COLôMBIA

Bebê passa por cesariana para retirada de feto gêmeo

TV Jornal | com informações de agências

-Reprodução/TV Jornal

Uma bebê nasceu carregando um feto no abdômen em Barranquilla, na Colômbia. O caso raro foi identificando durante o sétimo mês de gestação da mãe, quando o médico viu dois cordões umbilicais, apesar da mulher não estar grávida de gêmeos.

Segundo especialistas, a probabilidade deste raro tipo de gravidez é de um a cada 500 mil nascimentos. Segundo uma especialista em medicina fetal do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), esse tipo de caso normalmente acontece quando gêmeos de um único zigoto se dividem tardiamente e um irmão gêmeo se desenvolve dentro do outro. 

Entenda:

Retirada do feto parasita

Diante do risco da bebê ficar fraca por conta da parasita, a mãe passou por uma cesárea antes da 40ª semana de gravidez. Após 24 horas do nascimento, a bebê passou por uma cirurgia para que o feto fosse removido de seu abdômen. Segundo os médicos, a delicada operação foi bem sucedida.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.