RECIFE

Vizinhos de cantor gospel preso por homicídio foram pegos de surpresa

Cantor gospel, conhecido como Irmão Carlos, foi preso na casa onde morava no Recife. O cantor se apresentava em cultos evangélicos e dava testemunho de como se converteu. No Youtube, existem vários vídeos dele se apresentando

Vizinhos de cantor gospel preso por homicídio foram pegos de surpresa

Cantor tem vídeos no Youtube - Foto: Reprodução/TV Jornal

A prisão de um cantor gospel de 51 anos, por homicídio, pegou de surpresa os moradores do bairro de San Martin, na Zona Oeste do Recife. José Carlos da Silva, de 51 anos, mantém uma loja há quase 10 anos na localidade e é conhecido como irmão Carlos. No estabelecimento, os clientes dizem que o cantor fazia um trabalho evangelístico em igrejas, onde costuma cantar, e é muito querido na comunidade.

O caso

Um cantor gospel de 51 anos foi preso, nessa quinta-feira (27), na casa onde mora no bairro de San Martin, na Zona Oeste do Recife. De acordo com a Polícia Civil, o efetivo cumpriu um mandado de prisão por homicídio contra José Carlos da Silva. O cantor se apresentava em cultos evangélicos, dando testemunho de como saiu do mundo do crime e se entregou para Cristo.

Ainda segundo a polícia, o homicídio teria sido cometido em Osasco, São Paulo, em 1995. Além disso, ele também já cumpriu pena por um assalto em Rio Formoso, cometido em 2002. Depois dos crimes, ele teria se convertido ao Evangelho. Ele foi preso por policias da Malha da Lei e levado para a Central de Plantões, no bairro de Campo Grande.

No meio gospel, ele usa o nome artístico de Carlos José. O cantor se apresentava em cultos evangélicos e dava testemunho de como se converteu. Ele também pregava em presídios. No Youtube, há vários vídeos dele se apresentando.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.