GABRIEL DINIZ

PF pede tempo para finalizar inquérito sobre a morte de Gabriel Diniz

O pedido foi de mais 30 dias para conclusão do caso da morte do cantor Gabriel Diniz

PF pede tempo para finalizar inquérito sobre a morte de Gabriel Diniz

O cantor morreu em um acidente aéreo em Sergipe - Foto: Divulgação/Arnaldo Félix/Prefeitura de Caruaru

Pela terceira vez, a Polícia Federal de Sergipe solicitou prorrogação à Justiça Federal quanto ao inquérito da morte do cantor Gabriel Diniz. Os outros pedidos foram nos meses de julho e agosto deste ano. De acordo com a polícia, alguns laudos ainda não foram entregues. O cantor  Gabriel Diniz, que tinha 28 anos, e os dois pilotos que estavam na aeronave morreram no dia 27 de maio em um acidente aéreo. O bimotor caiu em um povoado da cidade de Estância, Região Sul de Sergipe.

Relembre o caso

Na tarde do dia 27 de maio, o avião que levava o cantor Gabriel Diniz caiu em um mangue no povoado Porto do Mato, em Estância, na região sul de Sergipe.

Próximo ao local do acidente, foi encontrado o passaporte do artista, conhecido pelo hit "Jenifer. Ele havia feito um show em Feira de Santana (BA) na noite do domingo (26). O Grupamento Tático Aéreo (GTA) havia informado que eram quatro ocupantes na aeronave, mas a Polícia Militar confirmou que foram três mortos, sendo eles Gabriel e seus dois pilotos.

O velório do cantor foi aberto ao público, em João Pessoa, na Paraíba. O corpo do artista foi velado no Ginásio de Esportes 'O Ronaldão', no bairro Cristo Redentor, e o enterro aconteceu no Cemitério Parque das Acácias, no bairro José Américo.

Durante a investigação foi descoberto que o avião que transportava Gabriel estava irregular e não tinha autorização para táxi aéreo.

>>>Avião cai com Gabriel Diniz em Sergipe

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.