denúncia

Rodoviários afirmam que mais de 3 mil funcionários foram demitidos durante pandemia do coronavírus

A categoria realizou um protesto no Centro do Recife e fez outras reclamações

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 16/06/2020 às 17:58
Severino Soares/TV Jornal
FOTO: Severino Soares/TV Jornal
Leitura:

Durante um protesto no Centro do Recife, realizado nesta terça-feira (16), os rodoviários afirmaram que mais de 3 mil profissionais foram demitidos durante a pandemia do novo coronavírus, de acordo com a apuração do por dentro com cardinot, além de reclamarem da superlotação dos ônibus e pedir para serem prioridade nos testes da covid-19.

A produção procurou a Urbana-PE sobre a denúncia das possíveis demissões, mas não teve resposta.

Nota do Grande Recife

Em nota, o Grande Recife Consórcio de Transportes informa que, desde a segunda-feira (15), início da segunda semana de retomada das atividades econômicas em Pernambuco, O sistema de transporte público de passageiros opera com 60% da frota de ônibus na Região Metropolitana do Recife.

Resposta da SES-PE

Em nota, a Secretaria de Saúde de Pernambuco disse que está aumentando a capacidade de testagem para covid-19 e reforçou que a expansão do grupo prioritário para testagem tem sido constantemente avaliada.

Cobrador assassinado em Jaboatão

Um cobrador, de aproximadamente 51 anos, foi assassinado a tiros durante um assalto a ônibus na Estrada da Muribeca, em Jaboatão dos Guararapes. De acordo com o motorista, um casal entrou no ônibus, pagaram a passagem, e minutos depois se levantaram e anunciaram o assalto. Em seguida, os dois se aproximaram do cobrador e enquanto faziam ameças efetuaram o disparo. Logo após, os criminosos obrigaram o motorista a parar e fugiram com a renda do coletivo.

+VÍDEOS