ACIDENTE

Major da PM bate em 4 veículos, deixa advogada ferida e recusa fazer teste do bafômetro em Casa Forte

Segundo a CTTU, o major foi multado por não apresentar a carteira de habilitação e por embriaguez ao volante. O major foi autuado em flagrante

Major da PM bate em 4 veículos, deixa advogada ferida e recusa fazer teste do bafômetro em Casa Forte

O caso foi registrado na Central de Plantões da Capital - Foto: Cortesia

Um major da Polícia Militar de 45 anos se envolveu em um acidente que deixou um advogada ferido na Avenida 17 de Agosto no bairro de Casa Forte, Zona Norte do Recife. De acordo com testemunhas que não quiseram gravar entrevista, contam que o veículo do major bateu em um motoqueiro, em três outros veículos que estavam estacionados, depois se chocou de frente com o carro onde estava um casal e só parou ao bater em um muro.

Ainda segundo as testemunhas, o carro do que o major dirigia estava com os faróis apagados quando invadiu a contramão. O homem que dirigia o carro atingido na colisão é um advogado, de 26 anos. A namorada dele estava no carona e falou que espera que o caso seja esclarecido.

Multado

Segundo a CTTU, o major da PM foi multado por não apresentar a carteira de habilitação e por embriaguez ao volante porque apresenta sinais de que havia ingerido bebida alcoólica se negou a fazer o teste do bafômetro. Ele não gravou entrevista. A advogada dele informou que ele estava passando mal e seguia para um pronto socorro, no bairro da Iputinga quando aconteceu o acidente. 

 

Registro

O caso foi registrado na Central de Plantões da Capital.

Autuado em flagrante

A Polícia Civil informa que autuou um homem de 46,em flagrante delito por lesão corporal de trânsito e embriaguez. De acordo com informações iniciais, o suspeito dirigia em alta velocidade e se envolveu em dois acidentes, um no Parnamirim com uma motocicleta e outro com um veículo, na Av Dezessete de Agosto, ontem à noite. Na ocasião uma pessoa ficou ferida e ficou em observação no Hospital Esperança. O suspeito foi conduzido à Central de Plantões-CEPLANC e Delegacia de Delitos de Trânsito conduzirá o caso.

Major vai responder processo administrativo

A Polícia Militar informa que o oficial envolvido em um acidente, na noite da quinta-feira (13/08), vai responder de acordo com o que determinam as leis do trânsito, através dos órgãos competentes da área. Do ponto de vista interno, ele irá passar por processo administrativo disciplinar, tendo em vista que o policial estava vestindo parte da farda da Corporação em uma situação embaraçosa.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.