Sertão

Polícia Federal prende trio com quase 10 mil reais em notas falsas


A prisão foi feita na cidade de Carnaubeira da Penha, no Sertão de Pernambuco. As notas falsas estavam dentro do porta-luvas de um carro

Gustavo Henrique Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Publicado em 07/06/2019 às 14:20
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

Dois homens e uma mulher foram presos em flagrante pela Polícia Federal (PF) com quase R$10 mil reais em notas falsas, na cidade de Carnaubeira da Penha, no sertão de Pernambuco. As cédulas estavam dentro do porta-luvas do carro dos suspeitos. De acordo com as investigações, as notas seriam repassadas na feira de confecção de Santa cruz do Capibaribe e também em outros municípios do interior durante as festas juninas.

Confira

Quitar dívidas

O chefe de comunicação da PF, Giovani Santoro, informou que um dos suspeitos disse à polícia que recebeu as notas para quitar uma dívida que tinha com terceiros.

Candidata à vereadora

Etiene Shirley Belo da Silva, a mulher detida durante a abordagem, já foi candidata à vereadora na cidade de Flores, no Sertão do estado. Ela responderá em liberdade pelos crimes de receptação e moeda falsa.

Identificando notas falsas

A polícia faz um alerta e orienta à população para saber se uma nota é falsa ou verdadeira. "A primeira dica que a gente dá é em relação a textura do papel. Nas notas verdadeiras, o papel é crespo e você percebe a saliência das marcas d'água. Já na falsa, ela é completamente lisa. Segunda dica: a impressão da nota. Numa nota verdadeira, as cores são vivas e vibrantes, o que não ocorre em uma nota falsa, pois as cores são mais apagadas", explicou Giovani Santoro.