PARALISAçãO

Funcionários dos Correios entram em greve nacional

A categoria é contra a proposta de privatização dos Correios, incluída no plano do Governo Bolsonaro

Funcionários dos Correios entram em greve nacional

Segundo funcionários da agência principal dos Correios, localizada no centro do Recife, apenas 30% dos atendimentos serão mantidos e a prioridade será para entrega de correspondências e mercadorias. - Foto: Reprodução/TV Jornal

Os funcionários dos Empresa Brasileira de Correios  e Telégrafos entraram em greve por tempo indeterminado em todo o Brasil. Em Pernambuco, todas as 200 agências estão com o atendimento afetado. A greve foi decidida pela categoria durante assembleia realizada na noite dessa terça-feira (10).

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores das Empresas dos Correios de Pernambuco (Sintect-PE), a categoria é contra a proposta de privatização da estatal, incluída no programa de privatizações do Governo Bolsonaro, e a favor da manutenção do acordo coletivo. 

>>>Após fala de Bolsonaro, família Santa Cruz tenta reabrir investigações

>>>Bolsonaro muda decreto e libera queimadas fora da Amazônia Legal

Confira a reportagem

Atendimento

Segundo funcionários da agência central dos Correios, localizada no centro do Recife, apenas 30% dos atendimentos serão mantidos e a prioridade será para entrega de correspondências e mercadorias.

Atraso de contas

A greve também pode atrasar o recebimento de contas mensais, nesse caso, o ideal é puxar a fatura pela internet.

Reunião com funcionários

Está marcada para às 16h desta quarta-feira (11) outra assembleia com o sindicato e com funcionários dos Correios. 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.