REAJUSTE

Metrô do Recife: Passageiros desaprovam novo aumento no bilhete

Aumento faz parte do reequilíbrio tarifário anunciado pela CBTU, e que teve início em maio deste ano. Ao todo, serão seis reajustes


Metrô do Recife: Passageiros desaprovam novo aumento no bilhete

A maioria dos passageiros desaprovou o novo aumento da tarifa do Metrô do Recife - Foto: Imagem: Jailton Júnior / TV Jornal

Andar de metrô pela Região Metropolitana do Recife está mais caro. Passou a valer, nesta segunda-feira (4), o quarto aumento gradual da tarifa. O valor atual é de R$3,40. O reajuste se estende até março de 2020, quando a passagem custará R$4,00. 

Nas estações do Grande Recife, muita gente que não sabia da novidade foi pega de surpresa. Antes, o bilhete estava custando R$3,00. A maioria dos passageiros não aprovou o valor mais caro e reclamou bastante. "Achei um absurdo, porque não tem estrutura nenhuma para a gente, continua a mesma coisa. Nada mudou, só fez piorar", afirmou a manicure Niely Santana. 

Confira a reportagem

Reajuste

O aumento faz parte da implementação do reequilíbrio tarifário, anunciando pela Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), e que teve início em maio deste ano. Ao todo, serão seis reajustes aplicados de maneira progressiva. O próximo acontece em janeiro de 2020. Nele, a passagem vai passar de R$3,40 para R$3,70. Em março, o bilhete chega aos R$4,00.

  • 5 de maio de 2019 - R$ 2,10
  • 7 de julho de 2019 - R$ 2,60
  • 8 de setembro de 2019 - R$ 3
  • 3 de novembro de 2019 - R$ 3,40
  • 5 de janeiro de 2020 - R$ 3,70
  • 7 de março de 2020 - R$ 4,00

>> Passagem do metrô do Recife aumenta e terá outros reajustes em 2020

>> Mulher é vítima de bala perdida dentro de estação do Metrô do Recife

>> Metrô do Recife apresenta falha entra as estações Shopping e Tancredo Neves

 

Balanço

O Sistema de Trens Urbanos da capital pernambucana transporta cerca de 400 mil passageiros por dia. São 37 estações nas cidades do Recife, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e Cabo de Santo Agostinho.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.