REFORÇO

Santa Cruz anuncia volta do 'Paredão' Tiago Cardoso

Aos 35 anos, o goleiro Tiago Cardoso retorna ao Santa Cruz, onde construiu uma história de títulos e acessos fundamentais para o clube


Santa Cruz anuncia volta do 'Paredão' Tiago Cardoso

Tiago Cardoso tem passagem pelo clube, entre 2011 e 2016, conquistando sete títulos. - Foto: Diego Nigro/JC Imagem

#OParedãoVoltou. Aos 35 anos, o goleiro Tiago Cardoso retorna ao Santa Cruz, onde construiu uma história de títulos e acessos fundamentais para o resgate da imagem do clube, da Série D para a Série A, além da conquista da Copa do Nordeste de 2016, do Brasileiro da Série C de 2013 e outros cinco títulos estaduais (2011, 2012, 2013, 2015 e 2016).

>> Santa Cruz: Tiago Cardoso pode reforçar o elenco coral em 2020

Após uma longa conversa de negociação com o goleiro, os acordos foram acertados. Segundo a apuração do repórter João Victor Amorim, da Rádio Jornal, Tiago Cardoso chega ao Santa Cruz com salário por volta de R$ 28 mil, além dos custos de moradia (aproximadamente R$ 3 mil).

Para acertar com o arqueiro, o Santa Cruz conseguiu como parceiro no negócio a indústria de alimentos Kicaldo, patrocinadora do clube, que ficará responsável pelo pagamento de uma porcentagem do valor, que chega a ser metade do salário. Na apresentação, nos jogos, na entrada em campo e em entrevistas, Tiago Cardoso deverá usar um boné com a marca da empresa.

Currículo

Natural de Altos, no Piauí, Tiago Cardoso atuou em clubes do interior do Nordeste, até chegar ao Athletico-PR, onde passou longos anos. Jogou ainda por Fortaleza, ABC, Atlético-MG e Monte Azul, até chegar ao Santa Cruz em 2011. Pelo time coral, Tiago Cardoso se firmou logo na primeira temporada, realizando defesas milagrosas e fundamentais para a conquista do Campeonato Pernambucano - que não vinha há cinco temporadas -, além do acesso da Série D para a Série C.

Nos anos seguintes, Tiago Cardoso, mais uma vez, foi decisivo para os Estaduais de 2012 e 2013, com atuações espetaculares contra o rival Sport, que aumentaram a identificação do torcedor coral com o camisa 1, que logo ganhou o apelido de 'Paredão do Arruda', assim como na Série C de 2013, com acesso à Série B e título.

Mais um ano de grande conquista em 2015, com nova taça do Campeonato Pernambucano e o acesso de volta à Série A, após dez anos longe da Elite do Campeonato Brasileiro, com arrancada para o vice-campeonato da Série B e a seguinte conquista da Copa do Nordeste, além do quinto título estadual do goleiro no clube.

Após um bom início na Série A, com direito a liderança na tabela nas primeiras rodadas, o rendimento de Tiago Cardoso acompanhou o dos demais atletas do elenco e, envolvido em crise de atrasos salariais, o clube acabou rebaixado. Ao final da temporada, Tiago Cardoso não aceitou a renovação de contrato e deixou o clube, alegando pagamentos atrasados, rumando para o rival Náutico, o que fez arranhar a imagem de ídolo para parte da torcida coral.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.