COMEMORAÇÃO

João Carlos Paes Mendonça manda mensagem no aniversário de 60 anos da TV Jornal

A TV Jornal completa 60 anos nesta quinta-feira (18)

João Carlos Paes Mendonça manda mensagem no aniversário de 60 anos da TV Jornal

O presidente do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação, João Carlos Paes Mendonça - Foto: Acervo JC Imagem

Há exatamente 60 anos, entrava no ar a TV Jornal. Uma emissora genuinamente pernambucana que ao longo dos anos se adaptou às novas tecnologias, buscando sempre informar com qualidade seus telespectadores. Em comemoração pelas seis décadas da emissora, o presidente do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação, João Carlos Paes Mendonça, enviou uma mensagem destacando o pioneirismo da emissora.

Confira a mensagem na íntegra:

"Os primeiros dias da TV Jornal foram marcados pela inovação no entretenimento, com equipamentos modernos, programas ao vivo e que eram realizados em um auditório próprio, de forma pioneira no país. Na década de 80, a TV passou a viver grandes dificuldades. Os equipamentos de ponta tornaram-se obsoletos pela falta de investimentos. A emissora, que já fazia parte de um Sistema de Comunicação, assim como a rádio e o jornal, perdia potência pela falta de recursos. No final dos anos 80, ao adquirirmos os veículos, passamos a investir e dotar a televisão de infraestrutura moderna novamente e a apostar na sua relevância para o jornalismo pernambucano. Hoje, é uma das emissoras de maior alcance no estado, com acompanhamento de problemas das cidades, sempre em defesa da sociedade. Programas jornalísticos pautados por notícias mais relevantes e pelo interesse da coletividade são e continuarão sendo o norte da TV Jornal. Isso sem deixar de lado espaços para o entretenimento com características regionais, diferenciando-se das demais. A TV Jornal fez história e continuará sua missão de estar ao lado dos pernambucanos".

Trajetória

TV Jornal já foi do luxo e elegância dos primeiros programas de auditório, ao contato direto com a cultura e com o povo pernambucano. Uma emissora que é a cara do Estado. Fundada pelo empresário F. Pessoa de Queiroz, foi a primeira do Brasil a ter um prédio construído exclusivamente para abrigar uma emissora de televisão. 

Jornalismo

O jornalismo imprime credibilidade e é marca forte e vigorosa da TV Jornal. Entrar na casa das pessoas e contar muitas histórias. O Repórter Esso foi o primeiro programa jornalístico a fazer sucesso na TV Jornal e era apenas uma amostra do estaria por vir.

Já o primeiro programa policial da TV Jornal foi comandado por Jota Ferreira, que saiu do rádio direto para a televisão. O Blitz Ação Policial batia recordes de audiência.

Um jornalismo sério e checado é a marca da TV Jornal. Nos programas e telejornais da emissora há muita denúncia, informação e prestação de serviço. Um conteúdo de qualidade voltado para as necessidades, anseios e conquistas da população.

Ao longo dos 60 anos da emissora, vários telejornais foram transmitidos pelas lentes da TV. O programa Bronca 24h, com Washington Gurgel, deixa o telespectador informado logo cedo, às 7h. O Meio Dia ganhou formato diferente, com apresentação de Anne Barreto, Leandro Oliveira e Aroldo Costa, mostra as notícias mais quentes do dia. 

Logo em seguida, os telespectadores ficam Por Dentro com Cardinot, outro apresentador com trajetória de grande sucesso na TV Jornal. À noite, às 7h20, O Povo na TV, de Ciro Bezerra, além de mostrar os fatos do dia, traz as necessidades dos telespectadores.

Esportes

A relação da TV Jornal com o futebol é bem antiga. Aqui, os telespectadores já acompanharam transmissões não só de campeonatos locais. A Copa do Mundo de 70 também passou pela telinha. 

Uma história antiga e cheia de vitórias! Pelas lentes da TV Jornal, torcedores pernambucanos puderam acompanhar muitos jogos que marcaram a história do futebol - de Pernambuco e do Brasil. Em 1987, fomos a única TV do Estado a transmitir a partida entre o sport e guarani, de campinas, na ilha do retiro. o duelo garantiu o título de Campeão Brasileiro ao time rubro negro.

O futebol sempre esteve presente na programação da emissora. O conteúdo esportivo deixou de ter programa em horário restrito e passou a integrar os telejornais para dar maior visibilidade ao assunto. A TV passou a contar também com o elenco do Escrete de Ouro da Rádio Jornal durante as transmissões. Em 2018, na Copa do Mundo da Rússia os telespectadores ficaram por dentro de tudo!

Agora, a bola da vez é a Copa do Nordeste. Já são três anos transmitindo o campeonato que faz parte do calendário esportivo e das emoções do torcedor pernambucano. A audiência é garantida. Em um dos jogos, a TV bateu recorde de audiência em partidas do Nordestão. Segundo dados do Ibope, cerca de um milhão de pessoas estavam ligadas no canal 2.

Entretenimento

O entretenimento, sempre tão marcante na TV Jornal, também foi tema de reportagem de comemoração aos 60 anos da emissora. Da Missa do Vaqueiro ao Carnaval, as manifestações culturais são sempre reverenciadas pelas nossas lentes. Nos nossos programas, você vê a cara e o sotaque do Estado.

Na primeira celebração da Missa do Vaqueiro, em 1970, a TV Jornal marcou presença. Também foi nos anos 1970 que o carnaval foi parar nas telas da TV Jornal.

Nos anos 90, a cobertura da festa cresceu mais ainda. Pernambuco descobriu que o melhor carnaval está na TV Jornal e passou a cantar, também, o frevo que todo mundo conhece até hoje, e que marca as nossas coberturas.

Antes de ganhar de o mundo, as manifestações culturais já ocupavam as telas da TV Jornal. Foi assim com a Jovem Guarda, o Frevo e o Movimento Mangue Beat,  nascido às margens do Rio Capibaribe, e que se espalhou pelo Brasil e mundo afora.

O São João também virou marca registrada da emissora, com o “Arraial da TV Jornal”. Da capital ao interior a festa teve e segue tendo destaque nas nossas telas.

Programas como a Turma do Barra garantem a diversão dos telespectadores o ano inteiro.Várias minisséries também foram produzidas pela emissora, assim como a nova sitcoms ‘Tá Puxado’. A atração, estrelada por Cinderela e Matheus Ceará, é exibida aos sábados, a primeira comédia de situação produzida no Brasil, fora do eixo Rio-São Paulo.

Nem mesmo em momentos difíceis, como esse em vivemos, numa pandemia, o canal 2 esquece dos telespectadores. O programa Abraço Musical reuniu diversos artistas para alegrar as famílias que estão em casa.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.