BATE PONTO

CTTU lança novo sistema de registro eletrônico para acidentes de trânsito sem vítimas

De acordo com a CTTU, a ideia é desburocratizar esse tipo de procedimento e preservar os agentes de trânsito, por conta da pandemia do coronavírus

CTTU lança novo sistema de registro eletrônico para acidentes de trânsito sem vítimas

Ação moderniza a emissão de boletim de ocorrências da autarquia - Foto: Divulgação

A Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) lançou nesta sexta-feira (17), o "Bate-Pronto", que é um sistema de registro eletrônico para preenchimento e emissão de boletim de ocorrência de acidentes de trânsito sem vítimas ocorridos no Recife. A iniciativa é da gestão municipal, por meio da Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano (Semoc) e da Empresa Municipal de Informática (Emprel), que desenvolveu o sistema.

De acordo com o chefe de fiscalização eletrônica da CTTU, Dalmário Barros, a ideia é desburocratizar esse tipo de procedimento e preservar os agentes de trânsito, por conta da pandemia do coronavírus.

Como proceder?

Depois de se envolver em um acidente de trânsito sem vítima, o cidadão deverá acessar o site da CTTU, acessar a opção “Bate-Pronto” e preencher o formulário para emissão do boletim de ocorrência de trânsito. A ação pode ser feita no momento da ocorrência ou até 24h após o momento do acidente, a depender da comodidade do cidadão.

O link será responsivo ao celular, o que dá a possibilidade do procedimento ser realizado no smartphone. Ainda de acordo com a CTTU, no próprio formulário será possível anexar fotos do acidente. O registro deverá ser feito pelos motoristas envolvidos. Após o envio do formulário, o agente responsável terá 72h para emitir o documento. É importante lembrar que o boletim de ocorrência não é uma declaração sobre qual parte envolvida está certa ou errada.

Medidas necessárias

De acordo com o Artigo 178 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o motorista envolvido em acidente sem vítima deve tomar as medidas necessárias para retirar o veículo da via, garantindo a segurança e fluidez do tráfego. Caso contrário, a atitude é caracterizada como infração média e está passível de multa no valor de R$ 130,16, além de quatro pontos da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Acidentes com vítimas

Vale lembrar que, em casos de acidentes com vítimas, os agentes da CTTU devem ser acionados. Inclusive quando um dos envolvidos apresentar sinais de embriaguez..

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.