OPERAçãO

Operação desarticula grupo suspeito de tráfico de drogas e homicídios no Recife

O grupo é investigado pela morte de um líder comunitário e do filho dele, um estudante universitário, em junho desse ano. Outros mandados judiciais também foram cumpridos

Operação desarticula grupo suspeito de tráfico de drogas e homicídios no Recife

O grupo é investigado pela morte de um líder comunitário e do filho dele, um estudante universitário, em junho desse ano - Foto: Bruno Campos/TV Jornal

A Polícia Civil prendeu, nesta quarta-feira (26),  três pessoas e apreendeu dois adolescentes suspeitos de fazer parte de uma organização criminosa envolvida em homicídios e tráfico de drogas, na Região Metropolitana do Recife. Os mandados da Operação Canoas foram cumpridos em Paulista e Igarassu. Ao todo, foram cerca de 100 policiais civis para cumprir 8 mandados de prisão, 9 de busca e apreensão domiciliar e 2 mandados de busca e apreensão de adolescente. 

Os presos foram levados para a sede do GOE, que fica no bairro do Cordeiro. O grupo é investigado pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma e homicídios.

Homicídios

Segundo a polícia, a quadrilha teria participação em pelo menos 5 assassinatos. O caso mais chocante foi a morte de um líder comunitário, na Comunidade de Cueiras, em Nova Cruz, em junho deste ano. O filho dele, um estudante universitário, foi brutalmente assassinado ao tentar salvar o pai. Ainda de acordo com a polícia, o líder comunitário, que também dirigi ambulância, era contra o tráfico na localidade.

Apreensão

Armas, drogas e uma quantia considerável em dinheiro foram apreendidos na operação. Ao todo, cinco pessoas foram presas, entre elas dois adolescentes.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.