PESQUISA

Pesquisa aponta que aumento do leite, este ano, já passou dos 40%

A previsão para os próximos meses é que o valor do item suba ainda mais

Pesquisa aponta que aumento do leite, este ano, já passou dos 40%

A previsão para os próximos meses é que o valor do item suba ainda mais - Foto: Pixabay

O leite se tornou mais um vilão quando o assunto é a conta da feira. Uma pesquisa realizada pelo Centro de Estudos Avançados em Economia aplicada ao preço do leite já aumentou 42% só este ano e a previsão para os próximos meses é que o valor do item suba ainda mais.

Em um supermercado, na Zona Norte do Recife, as prateleiras estão abastecidas. Mas nos últimos meses, o preço do leite vem assustando os consumidores. A caixa com um litro que custava R$ 3,99 está sendo vendida a R$ 4,79, um aumento de 20%. 

>>Pesquisa feita com empresários pernambucanos aponta que 66% deles pretendem realizar contratações

>>Pesquisa revela que desemprego em Pernambuco aumenta pelo quarto mês consecutivo

Já o saco de leite em pó com 200 gramas teve um aumento de trinta por cento e passou de R$ 4,99 para R$ 6,49. Além disso, o saco de um quilo do mesmo leite esta sendo vendido por mais de R$ 30.

Fatores climáticos

A pesquisa também apontou que a disparada nos preços vem acontecendo devido a fatores climáticos, baixo volume de importação e aumento nos custos de produção em relação ao ano anterior.

Promoções

Para conseguir atrair os clientes e vender o produto, o comerciante Artur Almeida, apostou nas promoções durante a semana. Segundo ele, além do leite todos os derivados do item também subiram de preço. 

Expectativa

Entre os vilões dos preços altos da cesta básica também entram no lista o arroz que está sendo vendido por quase R$ 6,00 o quilo e o óleo de cozinha que tá custando R$ 8,99. A expectativa dos comerciantes é que os produtos comecem a baixar de preço no mês de dezembro.

Até lá o consumidor vai precisar arrumar um jeitinho pra driblar a crise.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.