ECONOMIA

Gás de cozinha é reajustado novamente; veja como ficam preços

O reajuste no preço do gás de cozinha começa a valer a partir desta quarta-feira (21)

Gás de cozinha é reajustado novamente; veja como ficam preços

Este aumento do preço do gás de cozinha é o sétimo da Petrobras, em seis meses. - Foto: Marcello Casal/Agência Brasil

O gás de cozinha passou por um reajuste de 5%. O produto, cujo valor vem aumentando, começa a custar mais caro a partir desta quarta-feira (21), de acordo com anúncio realizado pela Petrobras, nessa terça (20).

 

 

>> Petrobras reduz preço da gasolina e mantém o preço do diesel

>> Entenda o que muda com o novo padrão de gasolina, que começou a valer

>> Petrobras aumenta preço da gasolina, e reajuste já é visto no Grande Recife

>> Pesquisa revela que preços de combustíveis variam até 39% no Recife

 

Série de aumentos

Este aumento é o sétimo da Petrobras, em seis meses. Os reajustes são repassados para as cinco distribuidoras de Pernambuco que, por sua vez, repassam para as cerca de 1,6 mil revendedoras. 

Essas, tentam não repassar tanto assim para os consumidores, uma tarefa difícil, especialmente em tempos de pandemia.

Preço médio

Em Pernambuco, o preço médio do botijão de 13 kg é de R$ 70,00. Se distribuidoras e revendedoras repassarem integralmente o reajuste, o produto ficará R$ 3,50 mais caro. A orientação, portanto, é pesquisar preços.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.