ELEIçõES 2020

Desafios Metropolitanos: mobilidade é um dos problemas para futuros prefeitos

Estudos comprovam que boa parte da população perde até 4h por dia nos deslocamentos entre a casa e o trabalho

Desafios Metropolitanos: mobilidade é um dos problemas para futuros prefeitos

Série de reportagens ‘Desafio Metropolitanos’ é produzida e exibida pela TV Jornal - Foto: Reprodução/TV Jornal

A TV Jornal está exibindo a série de reportagens ‘Desafios Metropolitanos’, que mostra os maiores desafios que os futuros prefeitos da Região Metropolitana do Recife terão que enfrentar, quando assumirem o mandato, em 2021.

As matérias serão exibidas no TV Jornal Meio-Dia e você pode acompanhar todos os episódios no nosso site e redes sociais. 

As reportagens são de Victor Tavares, edição de texto de Talita Marques e edição de vídeo feita por Jéssica do Vale. A edição-executiva da TV Jornal é de Adriana Victor, e Mônica Carvalho é a diretora de conteúdo jornalístico da TV e Rádio Jornal.

>> Desafios Metropolitanos: 150 mil famílias não têm moradia digna na RMR

No terceiro episódio, você confere o problema da mobilidade urbana na Região Metropolitana do Recife. Como os futuros prefeitos devem lidar com essa questão, que afeta milhões de pessoas no Grande Recife? Estudos comprovam que boa parte da população perde até 4h por dia nos deslocamentos entre a casa e o trabalho.

>> Desafios Metropolitanos: Os problemas dos próximos prefeitos da Região Metropolitana do Recife

>> Eleições 2020: Confira como a TV Jornal prepara o debate com candidatos a prefeito do Recife

É o caso de Dona Gil, que trabalha como encarregada de serviços gerais. Ela mora em Marcos Freire, Jaboatão dos Guararapes, e trabalha há 25 km de distância, em Santo Amaro, no Recife.

Para ela, a vida seria bem mais fácil se pudesse pegar apenas uma condução para percorrer esse trajeto diário de bordo. Ela conta também que são duas horas de viagem, dois ônibus e um metrô para chegar ao local de trabalho. A saga diária de Dona Gil é mais comum do que se pensa.

Pesquisa

De acordo com a pesquisa ‘origem-destino’, realizada em 2018, pelo instituto da cidade Pelópidas Silveira, quase 60% das pessoas da Região Metropolitana do Recife usam ônibus para ir ao trabalho e boa parte da população chega a perder até 4 horas por dia com deslocamento.

Ranking anual

Segundo o ranking anual traffic index, de 2019, Recife tem o 10º pior trânsito do mundo. Com uma frota de mais de 713 mil veículos, sendo mais de 2 mil ônibus (2.412) e cerca de 2 milhões de passageiros transportados por dia, a capital pernambucana tem o pior trânsito do país, ainda segundo esse estudo.

Em uma região como a do Grande Recife, pensar a mobilidade de forma conjunta é uma saída cada vez mais defendida para reduzir o tempo gasto na locomoção e melhorar a qualidade de vida das pessoas. Todos os tipos de transporte devem ser avaliados para encontrar as melhores soluções.

Alternativa

Uma alternativa já bastante discutida é a navegabilidade do Rio Capibaribe, que corta o Recife. No entanto, o projeto Rios da Gente de Transporte Público Fluvial, previsto para iniciar em 2014, nunca foi concluído.

A rota incluía sete estações de embarque e desembarque, ligando a Zona Norte ao Centro da cidade. Era uma opção para desafogar o trânsito. Contudo, enquanto as obras não são retomadas, outras possibilidades estão sendo testadas.

Debate TV Jornal

O debate da TV Jornal está marcado para o dia 10 de novembro e terá cobertura de todos os veículos do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação.

A mediação do debate vai ficar por conta do apresentador do TV Jornal Meio-Dia, Leandro Oliveira. A ordem e o posicionamento dos candidatos foram definidos, por meio de sorteio, em reunião virtual com representantes de cada candidato. O debate será dividido em três blocos e vai priorizar o confronto direto entre os candidatos.

 

Protocolos

As eleições em 2020 para o primeiro turno serão no dia 15 de novembro. Nos locais onde houver segundo turno, a data é 29 de novembro. 

O tempo da votação foi ampliado em uma hora, neste ano. As seções ficarão abertas das 7h às 17h. Das 7h às 10h será mantido um horário preferencial para que pessoas com mais de 60 anos possam votar. Nas eleições passadas. a votação começava às 8h e terminava às 17h. 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.