ELEIçõES 2020

"Não deixem a esperança morrer", diz Marília Arraes (PT) após derrota no 2º turno

Durante o pronunciamento, Marília Arraes (PT) disse que "vai começar uma nova articulação da oposição, no estado de Pernambuco"

Marília obteve 43,73% (348.126 votos) - Foto: Felipe Ribeiro/JC IMAGEM

Depois da divulgação oficial do resultado das urnas, nesse domingo (29), a candidata do PT, Marília Arraes, fez um pronunciamento, em um hotel no bairro da Boa Vista, na Área Central do Recife.

Com 99,62% das urnas apuradas, a candidata recebeu 43,76% dos votos válidos e perdeu para o primo João Campos (PSB), que terminou a disputa com 56,24%

>> João Campos (PSB) é eleito e se torna o prefeito mais jovem do Recife

Nova articulação da oposição

Durante o pronunciamento, Marília disse que "vai começar uma nova articulação da oposição, no Estado de Pernambuco". Na ocasião, também, ela agradeceu ao povo recifense pelos votos. 

>> 'Vai começar uma nova articulação da oposição no estado de Pernambuco', diz Marília Arraes (PT) após derrota no Recife

"Eu quero agradecer aos quase 350 mil recifenses que depositaram nas urnas essa esperança de mudança. Nós temos a consciência tranquila de que fizemos uma campanha bonita, limpa. Fomos ao segundo turno com praticamente o mesmo percentual de votos, chegamos à final com uma votação expressiva e isso mostra a insatisfação das pessoas com a atual gestão, mas foi feita a democracia e temos sempre que respeitar e desejar o melhor para a cidade. É importante também deixar marcado que começará uma nova articulação da oposição, em Pernambuco. Agradeço novamente a todos os recifenses, não deixem a esperança morrer, porque estamos firmes, fortes e confiantes para continuar lutando pelo Recife", discursou Marília.

 

João Campos eleito

João Campos, do Partido Socialista Brasileiro (PSB), foi eleito prefeito do Recife, nesse domingo (29), aos 27 anos, se tornando a pessoa mais jovem da história que irá comandar a capital pernambucana, a partir de 2021, e o mais novo entre os prefeitos das capitais brasileiras. Campos foi eleito prefeito do Recife, com 56,27% dos votos (447.913 votos).

Em discurso com seus aliados, após o anúncio da vitória, João Campos falou que vai "governar junto com o povo, todos os dias".

João Campos, da Frente Popular do Recife, que integra 12 partidos, tem 27 anos e concorreu, pela primeira vez, a um cargo de prefeito. Foi o deputado federal mais votado da história de Pernambuco, em 2018, com um total de 460.637 votos.

Filho do ex-governador e ex-presidenciável, em 2014, Eduardo Campos, é formado em engenharia civil, pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Antes de concorrer a uma vaga de deputado federal, João Campos trabalhou como chefe de gabinete do Estado, no governo de Paulo Câmara, em Pernambuco. Ele também é vice-presidente nacional de relações federativas e secretário estadual de organização do PSB. Tem como vice Isabella de Roldão, do PDT.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.