DESESPERO

'Queria ver minha mãe outra vez', diz jovem que estava desaparecido em mata após tentativa de assalto em Dois Irmãos

O jovem, de 21 anos, que estava desaparecido, estava com três amigos, em um açude. Eles foram vítimas de um assalto e ele fugiu e se perdeu

'Queria ver minha mãe outra vez', diz jovem que estava desaparecido em mata após tentativa de assalto em Dois Irmãos

O jovem foi vítima de um assalto - Foto: Reprodução/TV Jornal

Policiais militares e o Corpo de Bombeiros encontraram, na manhã desta sexta-feira (15), um despachante que estava desaparecido, desde da tarde dessa quinta (14), em uma mata no bairro Dois Irmãos, no Recife.

>>Corpo de mulher que teria sido jogado de ponte no Recife é achado

De acordo com a polícia, ele estava com outros três amigos em um açude, que fica no local, e o grupo foi vítima de um assalto.

>>Casa do namorado de mulher desaparecida no Rio Teijipió passa por nova perícia

Relato

Em entrevista ao TV Jornal Meio-Dia, o jovem, identificado como Pedro Henrique, de 21 anos, mesmo abalado, contou os momentos difíceis que passou perdido. Segundo ele, houve um momento em que chegou a pensar que não havia mas esperança.

>>"Devolva o meu filho", apela mãe de jovem que foi sequestrado em Caruaru

"Desistir nunca, meu Jesus. Eu queria ver minha mãe outra vez. Comi cacau e frutinha. Choveu ontem de noite, aí molhou, eu pegava a folha molhada do chão e bebia. Eu dormi debaixo de uma árvore, porque de noite é muito escuro para andar. Cheguei a perder as esperanças, sim. Eu estava do outro lado, no outro morro, eu disse: eu não vou subir, não vou descer. Eu desisto, estou com fome, sede e fraco. Não aguentava mais subir", relatou.

 

'Noite assustadora'

Ainda segundo o jovem, no momento da investida dos criminosos, ele teve que correr para não morrer. "Na hora que eles me esfaquearam, eu corri para dentro da mata e subi o mais rápido possível. Quando olhei para trás, já estava perdido. A noite foi assustadora, a pior coisa foi a noite. Não passava nunca", contou, abalado.

Moradores

Familiares disseram que eles costumavam frequentar o Parque Ecológico, na Estrada Velha dos Macacos. Moradores do local viram, quando os três jovens e um adolescente, de 15 anos, passaram e seguiram para o banho.

Desespero

Com a tentativa e roubo, a diversão foi interrompida. Eles teriam sido atacados por suspeitos armados com facões e encapuzados.

Durante a investida, os dois rapazes conseguiram fugir, mas o jovem se perdeu na mata, e só depois encontrou outro caminho. O último jovem foi encontrado, nesta sexta (15).

Chamados

A polícia e os bombeiros com cães farejadores foram chamados.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.