PANDEMIA

No limite: ocupação cresce e está difícil encontrar leito de UTI para pacientes com covid-19 em Pernambuco

Tanto na rede pública, quanto na privada, a ocupação por causa da covid-19 está próxima do total da capacidade

No limite: ocupação cresce e está difícil encontrar leito de UTI para pacientes com covid-19 em Pernambuco

Tanto na rede pública quanto na privada, a ocupação está próxima do total da capacidade - Foto: Bianca Souza/Acervo JC Imagem

Acompanhantes de pacientes já começaram a relatar dificuldades para conseguir leitos de UTI para pessoas contaminadas pelo novo coronavírus (covid-19), em Pernambuco. No Hospital de Referência da Covid-19, em Boa Viagem, Zona Sul do Recife, por exemplo, as ambulâncias não param de chegar com pacientes graves, que vêm de outras cidades. O sistema de atendimento está perto do limite.

>> Covid-19: Pernambuco revela investimento de mais R$ 720 mil na fiscalização de serviços não essenciais

Nessa quinta (4), o secretário Estadual de Saúde, André Longo, reforçou que a situação pode se agravar ainda mais, nos próximos dias.

>> Pernambuco registra crescimento de casos da covid-19 em quase todas faixas etárias, diz secretário de saúde

Dados

Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde, a rede pública tem hoje 1.996 leitos, tanto de UTI quanto de enfermaria, para casos de síndrome respiratória aguda grave.

A taxa de ocupação já é de 86%. A preocupação, segundo o secretário de Saúde, é que o sistema não consiga atender todos os pacientes, mesmo com a abertura de novas vagas.

>> Procon autua três estabelecimentos no Grande Recife por funcionarem após horário permitido

Rede particular

Na rede particular, a situação é a mesma. A professora Ethiene Arruda tem encontrado dificuldades na hora de conseguir uma vaga para a tia, que está com covid-19. 

Leitos

Segundo o Sindicato dos Hospitais Particulares de Pernambuco, são 479 leitos de UTI e enfermaria. A cada 10, sete estão ocupados.

Medo

Quem trabalha na linha de frente de combate à pandemia tem medo do que pode acontecer, com o aumento rápido no número de casos.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.