RECLAMAçãO

Em Igarassu, população reclama da espera pela segunda dose da vacina contra a covid-19

Os moradores vivem angustiados, devido à falta de doses de vacina contra a covid-19


Em Igarassu, população reclama da espera pela segunda dose da vacina contra a covid-19

Falta de doses de vacina contra covid-19 em Igarassu - Foto: SEVERINO SOARES /TV Jornal

Em busca da segunda dose da CoronaVac, moradores da cidade de Igarassu, no Grande Recife, sofrem com a espera para ser imunizados. A creche Tia Emocy, que fica em Cruz de Rebouças, por exemplo, é um dos 6 pontos de vacinação, mas quem chega para tomar a segunda dose da vacina Sinovac/Butantan é informado de que não tem doses para o reforço.

O motorista Edvaldo Alves deveria ter sido imunizado com a segunda dose no início de maio, mas, até agora, ainda não conseguiu. Já a dona se casa Maria Sônia foi vacinada com a Sinovac, no dia 05 de abril. A recomendação é que deveria tomar a segunda dose 21 dias depois, ou seja em 26 de abril. No entanto, na metade de junho, a dona de casa ainda não conseguiu ser imunizada.

 

Município aguarda vacina

O secretário de Saúde de Igarassu, Igor Morais, reconhece o problema e diz que o município está aguardando que o Governo do Estado envie outra remessa da vacina Sinovac.

Coquetel de anticorpos da AstraZeneca não evita sintomas de covid-19

A AstraZeneca informou, nessa terça-feira (15), que um teste de estágio avançado não conseguiu fornecer provas de que sua terapia de anticorpos protegeu as pessoas que tiveram contato com uma pessoa infectada com a doença, um contratempo em seus esforços para encontrar alternativas a vacinas.

O estudo avaliou se a terapia, um coquetel com dois tipos de anticorpos, poderia impedir que adultos expostos ao vírus nos oito dias anteriores desenvolvessem sintomas de covid-19.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.