INCêNDIO

Vídeo: Incêndio de grandes proporções atinge residencia em Santo Amaro, área Central do Recife

Na casa atingida pelo incêndio não havia a presença de ninguém.

Vídeo: Incêndio de grandes proporções atinge residencia em Santo Amaro, área Central do Recife

Incêndio de grandes proporções atinge casa em Santo Amaro - Foto: Reprodução/TV Jornal

Um incêndio de grande proporção atingiu um imóvel localizado na Rua Tupiniquins, no bairro de Santo Amaro, na área Central do Recife na madrugada desta quarta-feira (21). As chamas começaram pelo telhado e logo se espalharam pelos outros cômodos da casa. Duas viaturas do Corpo de Bombeiros foram acionadas para conter o fogo. Confira a matéria exibida no TV Jornal meio-dia:

De acordo com moradores, a casa está desocupado há mais de vinte anos e o proprietário costuma usar o imóvel para guardar lixo e entulhos. Juciara Gomes teve a sua residência atingida pelas chamas. Parte da parede da sala ficou queimada e, no momento do fogo, ela precisou tirar um parente acamado de dentro do quarto. "Meu irmão que estava internado, não tem nem um mês que voltou do hospital, teve que carregar ele à pulso, colocar na cadeira de rodas e levar pra vizinha por conta inalação da fumaça", relatou a autônoma. 

>>>Incêndio atinge prédio da Prefeitura do Recife, em Casa Amarela

Situação da casa após incêndio
Situação da casa após incêndio
Bruno Campos JC IMAGEM.
Situação da casa após o incêndio
Situação da casa após o incêndio
Bruno Campos JC IMAGEM.

Suspeita de incêndio criminoso

Maria Lenice, que tem um comércio na mesma rua, disse que antes do incêndio houve uma discussão entre o dono da casa e moradores da redondeza. "A confusão foi com o dono da casa com os caras de rua, aí o cara de rua disse assim: nem eu, nem você: eu vou tacar fogo", contou a vendedora. 

>>>Incêndio atinge duas casas no Vasco da Gama, na Zona Norte do Recife

Além da sujeira os vizinhos também reclamam da presença de bichos no imóvel. Dona Jandira disse que já procurou os órgãos públicos para resolver o problema. "Já procurei vigilância sanitária, EMLURB, enfim. Mas não houve nenhum atendimento", disse a aposentada. O proprietário do imóvel não foi encontrado pela equipe de reportagem da TV Jornal

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.