Após apelo, homem que morou 7 anos no Aeroporto consegue emprego


Na última semana, O Povo na TV mostrou a história de José Batista, de 59 anos, que por sete anos morou no Aeroporto do Recife por não conseguir um emprego e não ter condições de pagar uma moradia. Após o apelo, um empresário de Itambé, cidade natal do Seu Zeca, se comoveu com a situação dele e ofereceu a ele um emprego de vigilante em uma casa funerária. Confira!