Presidente da Caixa aguarda aprovação de Bolsonaro para anunciar mudanças no auxílio de R$ 600


A Caixa Econômica Federal pode mudar o pagamento da 2ª parcela do auxílio de R$ 600, com o objetivo é reduzir filas e aglomerações nas agências bancárias. O calendário de pagamento deve ser dividido entre beneficiários do bolsa família e trabalhadores que não tenham conta em banco. O presidente da Caixa Pedro Guimarães disse em coletiva de imprensa que deve fazer o anúncio das modificações ainda nesta semana.

PALAVRA CHAVE