Após primeira morte de criança com síndrome rara, secretário de Saúde fala sobre aumento de leitos


Após Pernambuco ter confirmado nessa terça-feira (25), a primeira morte de criança com síndrome rara e que testou positivo para o novo coronavírus, o secretário Estadual de Saúde, André Longo, falou sobre a possibilidade de aumentar leitos para crianças com doenças respiratórias. Atualmente, a ocupação é cerca de 64%, e segundo o secretário, houve um aumento na demanda no mês de agosto.

PALAVRA CHAVE