Pipoqueiro faz apelo para conseguir prótese, voltar a trabalhar e ajudar a família


O caso de um homem que vivia vendendo pipoca no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Por causa do diabetes, Marcelo José da Silva teve que amputar uma das pernas, e conta apenas com um salário mínimo e o sonho de voltar a trabalhar para completar a renda da família. Seu Marcelo precisa de uma prótese para voltar a andar e empurrar a carrocinha de pipoca. Para ajudá-lo, ligue para o número (81) 9 8838-4497 e fale com Silas (filho).

PALAVRA CHAVE