VIOLêNCIA

"Nasci de novo", diz vigilante do metrô baleado no pescoço em Jaboatão

"Meus pais poderiam estar me enterrando", desabafou o vigilante. O caso aconteceu na estação Engenho Velho do Metrô do Recife

A investida dos criminosos gerou pânico e correria na estação - Foto: Reprodução/TV Jornal

"Nasci de novo. Meus pais poderiam estar me enterrando", disse Tertuliano Menezes dos Santos, 27 anos, vigilante do metrô baleado na estação Engenho Velho, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Três homens ainda não identificados chegaram no local armados e já atirando.

O momento do ataque ao vigilante foi registrado pelas câmeras de segurança da estação. Ao perceber a ação dos bandidos, o vigilante tentou sair do local, mas foi atingido no pescoço. Houve troca de tiros e muito pânico no local. Estudantes que estavam na estação ficaram desesperados e saíram correndo para tentar se proteger dos tiros.

Os criminosos saíram do local sem levar nada. Confira as imagens do momento em que os três homens armados entram na estação efetuando disparos contra o vigilante. 

Assista

Socorro ao vigilante

O vigilante foi atingido de raspão no pescoço. Ele foi encaminhado para receber atendimento médico de urgência numa Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região e, em seguida, encaminhado ao Hospital da Restauração, no bairro de Derby, área central do Recife.

Confira o desabafo do vigilante, exibido pelo Bronca 24 Horas desta quinta-feira (26).

Assista:

Leia também:

>> SDS registra 275 homicídios no mês de agosto em Pernambuco

>> Homicídios caem 23% em PE, porém, casos de violência contra mulheres e LGBT's crescem

>> Pesquisa revela aumento no número de estupro e feminicídio

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.