AUXíLIO EMERGENCIAL 2021

Auxílio emergencial 2021: Deputado Túlio Gadelha apresenta proposta para aumentar valor para R$ 600

Proposta atual do governo quer pagar, no máximo, R$ 375 para alguns beneficiários do auxílio emergencial

Auxílio emergencial 2021: Deputado Túlio Gadelha apresenta proposta para aumentar valor para R$ 600

Pagamento do auxílio emergencial em 2020 - Foto: Jailton Junior/JC Imagem

A proposta do governo de dar quatro parcelas de R$ 150, R$ 250 ou R$ 375 (a depender da característica do beneficiário) no auxílio emergencial 2021 pode mudar. É que o deputado federal Túlio Gadelha (PDT) apresentou uma emenda à Medida Provisória que trata sobre o auxílio para que o valor suba para R$ 600 por beneficiário que tenha família. O valor é apoiado por vários deputados

Na ideia de Gadelha, mulheres mães de família deveriam receber R$ 900. Na proposta atual, essas mulheres devem receber R$ 375.  “Acreditamos que os valores propostos inicialmente não são suficientes para uma família poder ter o mínimo para o seu sustento”, disse o parlamentar, lembrando que o valor de uma cesta básica custa, em média, R$ 500. 

De acordo com a equipe de Túlio Gadelha, a expectativa é que a proposta do deputado seja analisada ainda nesta semana no plenário da Câmara dos Deputados. Para ser aprovada, a proposta de aumento no valor do auxílio tem de ser aprovada também pelo Senado. 

Auxílio emergencial 2021

A PEC que trata sobre o auxílio emergencial de 2021 estabeleceu teto de R$ 44 bilhões a serem gastos com o benefício neste ano. No ano passado, o governo gastou mais de R$ 200 bilhões. Este é um dos argumentos do governo para explicar o motivo dos valores menores apresentados neste ano.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.