Saúde pública

Organização Mundial de Saúde (OMS) declara pandemia de coronavírus

A declaração foi dada em entrevista coletiva

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 11/03/2020 às 14:10
Pixabay
FOTO: Pixabay
Leitura:

Em entrevista coletiva, nesta quarta-feira (11), a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou pandemia de coronavírus devido a grande quantidade de países atingidos. O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom , afirmou que os métodos para conter os causadores da transmissão da doença Covid-19 não serão modificados.

 

"Descrever a situação como uma pandemia não altera a avaliação da OMS sobre a ameaça representada por esse coronavírus. Não altera o que a OMS está fazendo e nem o que os países devem fazer", afirmou o diretor-geral da OMS.

Coronavírus no mundo

O Ministério da Saúde divulgou a atualização dos casos de Covid-19 em todo o mundo, considerando informações até ontem no fim da tarde. No total, foram mapeados 109,5 mil casos, além de 3,8 mil mortes. A taxa de letalidade, que estava em 3,39%, subiu para 3,48% em comparação com o balanço anterior, com contabilizações de domingo.

A China concentra o maior número de casos (80,9 mil), seguida da Coreia do Sul (7,38 mil), Itália (7,37 mil), Irã (6,5 mil) e França (1,1 mil). Já no tocante às taxas de letalidade, os Estados Unidos lideram (5,16%), seguidos da Itália (4,96%), China (3,86%) e Irã (2,95%).

Mais Lidas