PROCESSO SELETIVO

TRF5 abre selação para estagiários; saiba quais cursos e como se inscrever

O estágio no TRF5 tem a validade de um ano, podendo ser prorrogada por mais 12 meses


TRF5 abre selação para estagiários; saiba quais cursos e como se inscrever

O processo seletivo são para cursos de nível superior - Foto: Pixabay

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) abriu um processo seletivo para a formação de cadastro de reserva do quadro de estagiários de nível superior. A seleção visa ao preenchimento de vagas que surgirem durante a validade da seleção, que é de um ano com a publicação do edital, podendo ser prorrogado por igual período. Por causa da pandemia da covid-19, a avaliação não será por meio de aplicação de provas objetivas.

O edital e mais informações podem ser obtidas através do e-mail estagiosuperior@trf5.jus.br. A classificação dos estudantes resultará da combinação de três itens:

  • o coeficiente de rendimento global do aluno, que consta no histórico acadêmico,
  • o conceito de curso
  • e o conceito institucional, estes últimos definidos pelo Ministério da Educação (MEC).

A partir daí, os candidatos serão classificados por ordem decrescente de pontuação. As inscrições, que estarão abertas no período de 12 a 22 de abril, serão gratuitas e deverão ser feitas exclusivamente pelo Formulário Eletrônico de Inscrição – Seleção de Estagiários 2021, que estará disponível na área Concursos e Seleções, no portal do TRF5.

Quais cursos podem participar?

Podem participar do concurso estudantes dos seguintes cursos:

  • Administração;
  • Direito;
  • Biblioteconomia;
  • Gestão da Informação;
  • Ciências da Computação;
  • Análises e Desenvolvimentos de Sistemas;
  • Engenharia da Computação, Sistemas da Informação;
  • Ciências Contábeis;
  • Design;
  • Engenharia de Produção;
  • Engenharia Civil
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia Elétrica;
  • Estatística e Psicologia.

Os alunos devem estar regularmente matriculados em instituições de ensino superior conveniadas com o TRF5, sendo necessário cursar a partir do 5º período para a área do Direito e a partir do 3º nos demais cursos.

Também é preciso comprovar tempo remanescente mínimo de um ano para conclusão da graduação, bem como efetiva frequência. Os selecionados poderão ser convocados para desenvolver atividades de forma presencial ou remota.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.