LUTO

'Serial Killer de Brasília' é suspeito de matar pai, mãe e filhos em Ceilândia e segue foragido


As vítimas foram enterradas nessa segunda-feira (14).

Gustavo Henrique Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Publicado em 15/06/2021 às 17:30
Reprodução: Instagram
FOTO: Reprodução: Instagram
Leitura:

O 'Serial killer de Brasília', Lázaro Barbosa de Sousa, de 33 anos, sendo procurado por autoridades do Distrito Federal e de Goiás por ser o principal suspeito de matar quatro pessoas de uma mesma família, na última quarta-feira (9), na região de Ceilândia, em Brasília. As vítimas foram Cláudio Vidal, de 48 anos, Cleonice Marques, de 43 anos, e Gustavo Marques Vidal, 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, 15, filhos do casal. Os corpos foram enterrados nessa segunda-feira (14), no cemitério de Taguatinga.

>>>Vídeo: câmera de segurança flagra "serial killer de Brasília" dentro de fazenda em Goiás

O pai e os filhos foram assassinados na madrugada da última quarta-feira (9), em Ceilândia. Cleonice foi levada como refém pelo suspeito de cometer o triplo homicídio, porém, no sábado, o corpo da empresária foi encontrado em Sol Nascente. De acordo com a PM, Lázaro está se escondendo por sítios e matagais do entorno de Brasília, o que dificulta a localização exata do suspeito. Na tarde do sábado, ele invadiu uma fazenda na cidade de Cocalzinho (GO), que pertence a um soldado da PM.

>>>Serial killer de Brasília: homem é suspeito de matar 4 pessoas e foge da polícia há 7 dias; fuga já teve tiroteios e refém

>>>Maníaco do Parque, Jack - o estripador, Ted Bundy e o homem que matou 90 pessoas: conheça os serial killers mais famosos do mundo

>>>O que é serial killer? Entenda a expressão, que voltou à tona após caso em Brasília

"O criminoso (...) quebrou tudo na propriedade, bebeu e fumou maconha. Obrigou o caseiro a fumar também”, disse a PM, de acordo com o UOL. Quando o dono da propriedade chegou, Lázaro fugiu levando o caseiro de refém. Em outra fazenda, ele baleou três homens que trabalhavam no local, de acordo com relato da policia.

Ainda de acordo com testemunhas, o homem, que aparentemente está transtornado, chegou a quase colocar fogo na casa em que uma mulher e uma criança estavam.

Com a chegada da polícia, Lázaro reagiu, disparou contra os policiais, e fugiu novamente pela mata. De acordo com os investigadores, o homem tem várias armas.

Segunda-feira (14)

Na noite dessa segunda-feira (14), Lázaro foi visto novamente em Cocalzinho. Ele teria pedido comida em uma chácara, mas os moradores negaram. O caseiro da chácara disparou oito vezes contra o homem que, novamente, conseguiu fugir. Não se sabe se ele está ferido. As buscas continuam nesta terça-feira.

Mais Lidas