Acidente

Homem morre após ser atropelado por ônibus no terminal da Joana Bezerra, no Recife

Por conta do acidente, um protesto se iniciou em frente ao Terminal Integrado da Joana Bezerra, na região central do Recife

Humberto Cassimiro
Humberto Cassimiro
Publicado em 22/04/2022 às 19:54 | Atualizado em 22/04/2022 às 20:49
Notícia
Reprodução / TV Jornal
Vítima estaria caminhando no terminal quando foi atropelada pelo ônibus - FOTO: Reprodução / TV Jornal
Leitura:

Com informações da repórter Beatriz Albuquerque, da TV Jornal

Um homem morreu após ser atropelado por um ônibus no Terminal Integrado Joana Bezerra, na região central do Recife. O acidente aconteceu no final da tarde desta sexta-feira (22).

A vítima, Adriano José, de 34 anos, era técnico de informática e estaria caminhando na pista dentro do terminal quando foi atropelado por um ônibus que vinha de dentro do terminal.

Por conta do acidente, um protesto se iniciou em frente ao Terminal Integrado da Joana Bezerra, localizado ao lado da comunidade do Coque.

Confira as informações transmitidas ao vivo no programa O Povo na TV desta sexta-feira (22/04/2022):

PASSAGEIROS DENUNCIAM ALTA VELOCIDADE DOS ÔNIBUS NO TERMINAL

Segundo moradores da região, a fatalidade não seria a primeira a ocorrer no mesmo trecho do Terminal Integrado Joana Bezerra.

Passageiros do terminal de ônibus, um dos principais da Região Metropolitana do Recife, também relataram preocupação com os moradores da comunidade do Coque, especialmente as crianças.

Para eles, os veículos "parecem trem-bala", por conta da alta velocidade.

"Como aqui é uma comunidade, tem muita criança no meio da rua e eles não tem consciência disso, até mesmo aqui dentro [do terminal], quanto lá fora", alertou um dos passageiros.

Reprodução / TV Jornal
Vítima estaria caminhando no terminal quando foi atropelada - Reprodução / TV Jornal

VÍTIMA EVITAVA O TRECHO DO TERMINAL

De acordo com Fernando José, irmão da vítima, Adriano já relatava a insegurança de ter de caminhar pelo trecho no terminal.

"Às vezes ele fazia o maior arrodeio para chegar na cidade, mas não passava aqui por conta desses coletivos que saem daqui em alta velocidade", conta Fernando, em tom de revolta. 

Ele ainda relata a falta de segurança no trânsito de transporte coletivo no terminal: "Não tem um quebra-molas, não tem uma fiscalização. Tem uma placa ali, dentro da estação, [sinalizando] '15 KM/H', os ônibus saem dali em 30, 40."

GRANDE RECIFE CONSÓRCIO SE MANIFESTA SOBRE ACIDENTE

Em nota, o Grande Recife Consórcio afirmou estar apurando as causas do acidente, junto à Nova Mobi Pernambuco, que administra o terminal integrado.

CONFIRA NOTA DO GRANDE RECIFE CONSÓRCIO NA ÍNTEGRA

O Grande Recife Consórcio está apurando junto à Nova Mobi Pernambuco, responsável pela administração dos Terminais Integrados na RMR, as causas de um atropelamento com óbito em área do TI Joana Bezerra.

Comentários

Mais Lidas