FGTS

FGTS extraordinário paga até R$ 1000 para trabalhadores nascidos em março hoje (04/05)

O calendário completo do saque extraordinário do FGTS segue até o dia 15 de junho

Ana Roberta Amorim
Ana Roberta Amorim
Publicado em 04/05/2022 às 10:44
Notícia
Agência Brasil
A consulta do FGTS pode ser feita pelo aplicativo FGTS, disponível para Android e IOS - FOTO: Agência Brasil
Leitura:

Trabalhadores nascidos em março recebem hoje (04) o FGTS de até R$ 1 mil.

O valor está sendo pago até o dia 15 de junho e segue o calendário (veja as datas abaixo) de acordo com o mês de aniversário do trabalhador.

Quem pode receber o FGTS extraordinário?

O benefício é dado aos trabalhadores dos seguintes segmentos: 

  • Trabalhadores regidos pela CLT
  • Trabalhadores intermitentes e temporários
  • Trabalhadores rurais
  • Trabalhadores avulsos (presta serviço para diferentes empresas, mas é regido por um sindicato, mesmo sem vínculo empregatício, como estivadores)
  • Empregados domésticos
  • Atletas profissionais
  • Safreiros (trabalhadores rurais que exercem seus exercícios apenas em tempo de colheita)

Como ter acesso ao saque extraordinário do FGTS? Como solicitar o saque extraordinário do FGTS?

O valor disponível para saque pode ser acessado pelo aplicativo Caixa Tem.

O saldo pode ser movimentado por meio de boleto, Pix, transferência, lotéricas, saques em terminais de autoatendimento, e pagamentos em maquininhas. 

CALENDÁRIO FGTS 2022 SAQUE EXTRAORDINÁRIO

Caixa Econômica Federal
CALENDÁRIO SAQUE EXTRAORDINÁRIO FGTS 2022 - Caixa Econômica Federal

Como saber se posso receber o saque extraordinário do FGTS?

O saldo é creditado em nome de cada trabalhador automaticamente. Ou seja, o beneficiário não precisa fazer nada.

Para consultar o valor, caso ele esteja disponível, é preciso acessar o aplicativo do FGTS (disponível para Android e iOS), ir em uma agência da CAIXA ou ver pelo site da CAIXA.

Caso o trabalhador não queira receber o valor, a solicitação deve ser feita até o dia 10 de novembro. 

Se o trabalhador não informar que não quer receber, mas também não sacar o valor até o dia 15 de dezembro, ele volta para a conta do FGTS com correção monetária.


Comentários

Mais Lidas