Saúde

PREDNISONA: Saiba para que serve a prednisona e como funciona o remédio

Corticoide é bastante indicado para tratar processos inflamatórios; saiba mais sobre a prednisona

Humberto Cassimiro
Humberto Cassimiro
Publicado em 10/06/2022 às 16:41 | Atualizado em 10/06/2022 às 17:20
Notícia
PEXELS
Prednisona só pode ser administrada com receita médica e por via oral - FOTO: PEXELS
Leitura:

A prednisona é um princípio ativo de remédios com ação anti-inflamatória e é bastante usada no tratamento de alergias.

No entanto, o medicamento, da classe dos glicocorticoides, também pode ser utilizado no tratamento de diversas outras condições.

Para que serve a prednisona?

A prednisona é voltada normalmente para os casos de processos alérgicos, mas pode ser indicada para o tratamento de distúrbios endócrinos e osteomusculares, bem como doenças respiratórias, dermatológicas, oftalmológicas, reumatológicas, entre outras.

Por ser um medicamento potente no controle de processos inflamatórios, diversas condições clínicas podem ser tratadas pela prednisona.

Esse é o caso da rejeição a órgãos transplantados: a prednisona é utilizada em algumas terapias para pacientes com câncer que passaram por algum transplante.

Como tomar a prednisona?

Existe basicamente uma única forma de tomar a prednisona: oralmente. A razão para isso é o fato do medicamento precisar passar pelo sistema gastrointestinal.

Para fazer efeito no organismo, o medicamento deve passar pelo fígado e, para isso, precisa ser absorvido pelo intestino.

De qualquer modo, o medicamento deve ser receitado por um médico.

Como funciona a prednisona?

A prednisona atua no corpo no momento em que é convertida no fígado do paciente e metabolizada.

A molécula da prednisona é, então, ativada, e se torna a prednisolona, substância com forte potencial anti-inflamatório.

Reações, contraindicações e precauções no uso da prednisona

Algumas da reações colaterais ao uso da prednisona podem incluir úlceras no estômago, pancreatite, retenção de líquidos, aumento da pressão arterial e alterações nos ossos e músculos.

Uma recomendação importante para quem faz o uso da medicação é não consumir bebidas alcoólicas de forma alguma, já que estas podem acentuar as reações adversas.

O medicamento é contraindicado nos casos de pacientes que tem infecções sistêmicas por fungos ou que já tenham apresentado alguma reação à prednisona.

O uso em grávidas, lactantes e crianças não é vedado, mas deve ser feito com precaução, já que a prednisona pode causar má formação do feto e interferir na produção do hormônio do crescimento.

Comentários

Mais Lidas