CUIDADOS

Álcool em gel é 'um combustível inflamável', alertam bombeiros

O tenente do Corpo de Bombeiros, Weber Monteiro, ressalta cuidados necessários ao manusear o álcool em gel em casa e no carro

Álcool em gel é 'um combustível inflamável', alertam bombeiros

Utilizado para realizar a limpeza das mãos, superfícies e até de celulares, o álcool em gel vem sendo bastante procurado nos estabelecimentos, devido à pandemia causada pelo novo coronavírus (COVID-19).  - Foto: Reprodução/NE10 Interior

Utilizado para realizar a limpeza das mãos, superfícies e até de celulares, o álcool em gel vem sendo bastante procurado nos estabelecimentos, devido à pandemia causada pelo novo coronavírus (COVID-19). 

Por isso, é preciso estar atento e saber que esse produto pega fogo com muita facilidade. Segundo o tenente do Corpo de Bombeiros, Weber Monteiro, cuidados são necessários. 

>> Empresário é preso por produzir álcool em gel supostamente falsificado

"As pessoas não podem esquecer que se trata de um combustível inflamável. É necessário ter cuidado ao higienizar um veículo, ao se aproximar de uma fonte de ignição. Aqueles que fumam, bastante cuidado também. O ideal é esperar o produto evaporar, que ele se dissipe pelo meio ambiente. Ao passar no carro, é ideal que se mantenha os vidros do veículo abertos", disse o tenente Monteiro. 

Além do carro, muitas donas de casa utilizam o produto na cozinha. Também é necessário ter cuidados específicos ao manusear o álcool em gel nesse ambiente. "A cozinha é a zona quente. Ao utilizar o álcool em gel, dê um tempo para que o produto evapore. Não vá utilizar o fogão imediatamente", afirmou o tenente. 

Álcool Gel 70% x água e sabão

Uma dúvida que fica na cabeça de muitas pessoas é: qual o melhor para fazer a higienização? Passar álcool em gel 70% nas mãos ou lavá-las com água e sabão? Segundo Marcos Barreto, chefe do setor de queimados do HR, o ideal é só usar o álcool em gel, quando não puder lavar as mãos com sabão e água. 

"Se você não tiver uma pia com sabão, então utilize o álcool. Mas se você está em casa ou tem acesso a água e sabão, utilize-os", esclareceu Marcos Barreto. 

Estado Grave

É grave o estado da mulher que quase morreu queimada, depois de passar álcool no corpo para se prevenir contra o coronavírus, na cidade de Cachoeirinha, no Agreste de Pernambuco. 

O acidente aconteceu na zona rural do município. A mulher mora sozinha. Testemunhas contaram à equipe médica que a vítima costumava passar álcool no corpo para se prevenir contra o COVID-19. Ela segue no setor de queimados do HR.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.