Datas

INSS 2022: confira calendário de fevereiro para aposentados e pensionistas


O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) inicia o calendário das aposentadorias e pensões de fevereiro, na semana que vem

Karina Albuquerque
Karina Albuquerque
Publicado em 18/02/2022 às 10:33
Notícia
José Cruz/Agência Brasil
Calendário do INSS 2022 de fevereiro começa na semana que vem - FOTO: José Cruz/Agência Brasil
Leitura:

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começa a realizar os pagamentos dos benefícios com reajuste para aposentados e pensionistas na próxima semana, quando começa seu calendário de fevereiro. [veja o calendário do INSS 2022 completo atualizado abaixo].

14º salário INSS: datas, calendário, quando começa, quem tem direito, tudo o que se sabe sobre benefício já pode ser conferido aqui no site da TV Jornal, clicando no link.

Você também já pode conferir os quatro calendários do 13º salário do INSS 2022 nesse link para conferir quando vai receber o 13º salário de sua aposentadoria ou pensão.

Tabela INSS 2022 com dedução

Em janeiro, foi divulgada a tabela do INSS 2022 com dedução. Tanto quem recebe até um salário mínimo, quanto quem recebe mais do que o piso nacional, terão novos valores, mas com altas diferentes [veja as tabelas do INSS 2022 no fim da matéria].

 

Calendário do INSS 2022

O pagamento para aposentados e pensionistas com menos de 1 salário mínimo começa na próxima segunda-feira, em 21 de fevereiro, e para quem recebe mais de um salário mínimo, começa a partir de março. A ordem também segue o número final do cartão do benefício, sem considerar o dígito.

Para aqueles que passaram a receber a aposentadoria ou pensão a partir de fevereiro de 2021, o valor de reajuste será diferente. Nesses casos, aumento varia conforme o primeiro mês de concessão do benefício, e os valores serão divulgados pelo governo.

Os pagamentos serão feitos até 9 de março e os valores serão depositados automaticamente nas contas bancárias cadastradas. 

Até 1 salário mínimo

Confira o calendário de pagamentos do INSS 2022 para quem tem benefícios de até 1 salário mínimo:

Reprodução/ Governo Federal
Calendário do INSS 2022 para benefícios de até 1 salário mínimo - Reprodução/ Governo Federal

Acima de 1 salário mínimo

Confira o calendário de pagamentos do INSS 2022 para beneficiários que recebem mais de 1 salário mínimo:

Reprodução/ Governo Federal
Calendário do INSS 2022 para benefícios acima de 1 salário mínimo - Reprodução/ Governo Federal

Reajustes do INSS 2022

Aposentados e pensionistas com valor até 1 salário mínimo

Quem recebe até um salário mínimo tem o valor do benefício seguindo o reajuste do governo federal. Para 2022, o salário mínimo subiu 10,18%, indo de R$ 1.100 para R$ 1.212, afetando os benefícios do INSS.

O pagamento começa a partir desta terça, 25 de janeiro, com a ordem de acordo com o número final do cartão do benefício, que aparece antes do traço.

Aposentados e pensionistas com valor acima de 1 salário mínimo

Já para aqueles cujo benefício é superior ao salário mínimo, o aumento será de 10,16%. O reajuste segue o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) do ano anterior, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Teto do INSS 2022

Com a alta, o teto dos benefícios do INSS, que também segue o INPC, passará a ser de R$ 7.087,22 neste ano. Os novos valores ainda foram confirmados pelo governo federal, por meio de publicação no Diário Oficial da União, nesta quinta-feira (20).

Tabela de reajustes do INSS 2022

Os novos valores do INSS começaram a ser pagos já em janeiro de 2022 para as pessoas que estavam recebendo o benefício em 1º de janeiro de 2021.

Quem começou a receber os benefícios a partir de fevereiro do ano passado terá percentual menor, entre 9,86% e 0,73%, já que ainda não completou o ciclo de 12 meses de pagamentos.

Assim, quanto mais tarde for a data de início do benefício, menor o percentual de reajuste.

Confira o reajuste dos benefícios concedidos de acordo com as respectivas datas:

Data de início do benefício - Reajuste (%)

  • Até janeiro de 2021 - 10,16
  • Em fevereiro de 2021 - 9,86
  • Em março de 2021 - 8,97
  • Em abril de 2021 - 8,04
  • Em maio de 2021 - 7,63
  • Em junho de 2021 - 6,61
  • Em julho de 2021 - 5,97
  • Em agosto de 2021 - 4,90
  • Em setembro de 2021 - 3,99
  • Em outubro de 2021 - 2,75
  • Em novembro de 2021 - 1,58
  • Em dezembro de 2021 - 0,73

 

Tabela de dedução INSS 2022

O reajuste também se reflete na cobrança da contribuição dos trabalhadores para o INSS. Para empregados com carteira assinada, domésticos e trabalhadores avulsos, a tabela de recolhimento passa a ser:

  • 7,5% para até um salário mínimo (R$ 1.212)
  • 9% para quem ganha entre R$ 1.212,01 e R$ 2.427,35
  • 12% para quem ganha entre R$ 2.427,36 e R$ 3.641,03
  • 14% para quem ganha entre R$ 3.641,04 e R$ 7.087,22

Os recolhimentos efetuados em janeiro – relativos aos salários de dezembro passado – ainda seguem a tabela anterior

Valores dos benefícios do INSS

O valor mínimo do salário de benefício e do salário de contribuição pagos a partir de 1º de janeiro de 2022, não poderão ser inferiores a R$ 1.212, nem superiores a R$ 7.087,22.

O mesmo valor mínimo será aplicado para benefícios de prestação continuada pagos pelo INSS correspondentes:

  • a aposentadorias;
  • auxílio por incapacidade temporária e pensão por morte (valor global);
  • aposentadorias dos aeronautas;
  • pensão especial paga às vítimas da síndrome da talidomida;
  • auxílio reclusão.

Também será de R$ 1.212 o valor da pensão especial paga:

  • aos dependentes das vítimas de hemodiálise da cidade de Caruaru, em Pernambuco;
  • do amparo social ao idoso e à pessoa com deficiência
  • da renda mensal vitalícia.

Os valores dos benefícios concedidos ao pescador, ao mestre de rede e ao patrão de pesca “deverão corresponder, respectivamente, a uma, duas e três vezes o valor de R$ 1.212”. Já o benefício devido aos seringueiros e seus de pendentes será de R$ 2.424.

O valor da cota do salário-família por filho ou equiparado de qualquer condição, até 14 anos de idade, ou inválido de qualquer idade, a partir de 1º de janeiro de 2022, é R$ 56,47 para:

  • segurados com remuneração mensal (valor total do respectivo salário de contribuição, ainda que resultante da soma dos salários de contribuição correspondentes a atividades simultâneas) não superior a R$ 1.655,98.

Prova de Vida do INSS 2022

Prova de vida do INSS volta a ser obrigatória em 2022; assista ao vídeo do TV Jornal Meio Dia de 10/1/2022 e veja a conversa da repórter Simone Santos com João Varela, especialista em direito previdenciário e entenda:

Comentários

Mais Lidas