OPORTUNIDADE

Governo de Pernambuco abre seleção para emprego; confira vagas e salários

Para todas as vagas, a carga horária será de 44 horas semanais. As inscrições começam no dia 14 de setembro

Governo de Pernambuco abre seleção para emprego; confira vagas e salários

Vaga de emprego em processo seletivo - Foto: Pedro Ventura/Agência Brasil

Com informações do Jornal do Commercio

Após o retorno de várias atividades, o mercado de trabalho começou a abrir vagas de emprego, mesmo ainda durante a pandemia do novo coronavírus. Nesta sexta-feira (11), o Governo de Pernambuco publicou um edital no Diário Oficial para processo seletivo em diversas áreas. A seleção será válida por dois anos e pode ser prorrogada por mais dois. Além disso, o prazo de vigência dos contratos temporários será de 12 meses, tendo também a possibilidade de prorrogação pelo mesmo período.

De acordo com o texto do edital, o processo seletivo será realizado em uma única etapa, eliminatória e classificatória, e a avaliação do currículo será feita pelo Instituto AOCP. Ainda segundo o edital, 5% das vagas serão reservadas para pessoas com deficiência (PcD). Para todas as vagas, a carga horária será de 44 horas semanais. As inscrições começam na segunda-feira (14).

Vagas e salários 

Articulador(a) de Difusão Social: 2 vagas. Requisitos: curso de graduação em Marketing, História, Letras, Ciências Sociais ou Comunicação Social. Remuneração inicial bruta de R$ 2,7 mil. 

Articulador(a) de Políticas Públicas Integradas: 46 vagas. Requisitos: curso de graduação em Serviço Social, Psicologia ou Pedagogia. Remuneração inicial bruta de R$ 2,7 mil.

Articulador(a) do Sistema de Controle Social: 8 vagas. Requisitos: curso de graduação em Serviço Social, Antropologia ou Sociologia Remuneração inicial bruta de R$ 2,7 mil. 

Articulador(a) de Tecnologia da Informação: 3 vagas. Requisitos: curso de graduação em Tecnologia da Informação, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Ciências da Computação ou Sistemas de Informação. Remuneração inicial bruta de R$ 2,7 mil. Renda inicial bruta de R$ 2,2 mil.

Assistente de Políticas Públicas Integradas: 4 vagas. Requisitos: curso de graduação em Serviço Social, Psicologia, Sociologia, Administração ou Pedagogia. Remuneração inicial bruta de R$ 2,2 mil. 

Coordenador(a) de Políticas Públicas Integradas: 5 vagas. Requisitos: curso de graduação em Serviço Social, Filosoa, Sociologia, Pedagogia ou Administração. Remuneração inicial bruta de R$ 3,2 mil. 

Coordenador(a) do Sistema de Controle Social: 6 vagas. Requisitos: curso de graduação em Serviço Social, Sociologia ou Antropologia. 

Acesse o JC Online e confira os requisitos e como se inscrever

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.