Tributos

Gás de cozinha tem alíquotas de importação zeradas pela Receita Federal


Valor médio do gás de cozinha já havia ultrapassado os R$ 100 no Brasil

Humberto Cassimiro
Humberto Cassimiro
Publicado em 09/03/2022 às 21:58
Notícia
REPRODUÇÃO
Governo federal já havia anunciado Auxílio Gás, que vai ajudar na compra do botijão de 13 quilos - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

A Receita Federal anunciou, nesta quarta-feira (9), uma medida para conter a alta do preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), presente nos botijões de gás de cozinha.

O órgão publicou uma instrução normativa que reduz a zero as alíquotas da Contribuição para o PIS/Pasep-Importação e da Cofins-Importação.

A medida afeta a importação e receita de comercialização do botijão de gás de cozinha de 13 quilos. Governo federal já havia instituído o Auxílio Gás, que reduz o preço do botijão em 50%.

A produção do GLP depende do petróleo, que está em alta devido à crise provocada pela guerra entre Rússia e Ucrânia. Nesta segunda-feira (7), o barril atingiu o maior valor desde julho de 2008.

O preço médio do gás de cozinha no Brasil já havia ultrapassado os R$ 100, podendo chegar a R$ 140,00 em alguns locais, segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Petrobras anuncia reajuste no preço da gasolina e do óleo diesel nesta quinta-feira (10):

 

Com informações da Agência Brasil.

Comentários

Mais Lidas