REABERTURA

Banho de mar, restaurantes e outras atividades são liberadas em Olinda nesta sexta-feira (17)

Caso o número de casos do coronavírus volte a registrar elevação, o município já sinalizou que poderá rever as medidas

Banho de mar, restaurantes e outras atividades são liberadas em Olinda nesta sexta-feira (17)

Caso o número de casos do coronavírus volte a registrar elevação, o município de Olinda já sinalizou que poderá rever as medidas - Foto: Day Santos/TV Jornal

Nesta quinta-feira (16), a Prefeitura de Olinda publicou um novo decreto para a atual fase de reabertura gradual de áreas públicas, comércio e serviços. As regras, que são válidas a partir desta sexta-feira (17), liberam o banho de mar e a prática de esportes na areia até 17h; reabertura dos quiosques na orla (sem a venda de bebidas alcoólicas); aumento para 50% da capacidade em cultos religiosos; e restaurantes com distanciamento de 1,5 metro por mesas.

Obrigatório

Continua obrigatório o uso de máscaras nas áreas públicas, nas igrejas, no comércio e demais serviços e locais autorizados a funcionar, conforme orientação das autoridades sanitárias.

Confira os detalhes do novo decreto:

  • I – o banho de mar nas áreas seguras e a prática de esportes respeitando o distanciamento social e a vedação geral de aglomerações, observando o limite de horário, que será até 17h, não sendo permitido o uso de barracas, guarda-sol, cadeiras, isopor e caixas térmicas;
  • II – a reabertura dos quiosques regularmente instalados ao longo da orla marítima, vedada a venda e o consumo de bebidas alcoólicas nos mesmos, com o horário de funcionamento passando a ser das 6h às 20h;
  • III – a prática de esportes de forma individualizada ou em grupos familiares, inclusive com o acompanhamento de profissional de Educação Física, conforme a necessidade, a exemplo de corrida, caminhada e uso de bicicleta, respeitados o distanciamento social e a vedação geral de aglomerações;
  • IV – os locais de culto, a exemplo de igrejas, templos e assemelhados, ficam autorizados a aumentar a sua capacidade de lotação, passando de 30% para 50%, observando, sempre, os cuidados de sanitização e distanciamento social adequados, conforme orientação das autoridades sanitárias;
  • V - reabertura do comércio das Tapioqueiras e Artesãos de Olinda, devendo ser observado o distanciamento entre as barraquinhas, de 1,5m (um metro e cinquenta centímetros), não sendo permitido o consumo de alimentos e bebidas no local, bem como a disponibilização de bancos e cadeiras para os consumidores, a fim de incentivar a circulação das pessoas e evitar aglomerações nos pontos de venda;
  • VI - reabertura dos estabelecimentos que comercializam refeições, a exemplo de restaurantes, observadas as seguintes determinações:
  • a) os clientes deverão estar devidamente acomodados em cadeiras e mesas, cujo distanciamento de uma para outra deverá ser, no mínimo, de 1,5m (um metro e cinquenta centímetros);
  • b) nos referidos estabelecimentos permanece proibida a apresentação de atrações ao vivo, devendo ser reforçadas as medidas de higienização das mesas e locais de consumo entre uma ocupação e outra, disponibilizando, em cada mesa ou ao alcance dos seus usuários, dispensadores de álcool em gel a 70% (setenta por cento).

Sinalização

Caso o número de casos do coronavírus volte a registrar elevação, o município de Olinda já sinalizou que poderá rever as medidas adotadas, em conformidade com o protocolo de abertura do comércio e serviços, em especial de alimentação, publicado pelo Governo do Estado de Pernambuco.

Nota do Governo de Pernambuco

O Governo de Pernambuco reforçou que os serviços de alimentação foram liberados para reabrir apenas a partir da próxima segunda-feira (20). A determinação vale para todo o Estado e qualquer atividade antes do permitido vai ser fiscalizada pelo Procon, Polícia Militar e Vigilância Sanitária.

Nota da Prefeitura de Olinda

A Prefeitura de Olinda esclarece que vem seguindo todas as posturas e orientações dos Decretos do Governo do Estado de Pernambuco em relação às regras sanitárias no combate ao COVID-19, dando sempre prevalência à salvaguarda da vida no Município. Em parceria com o Governo de Pernambuco, a Secretaria de Saúde de Olinda registra dados da pandemia no Município que revelam resultado muito positivo, indicando ocupação de apenas 14% dos leitos destinando ao combate do novo coronavírus.

No que toca à reabertura dos bares e restaurantes da cidade, prevista inicialmente para esta sexta-feira (17.07), visando uma harmonia Metropolitana na liberação das atividades comerciais, o Município adiará a reabertura de bares e restaurantes para a próxima segunda feira, dia 20.07

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.