SAQUE EXTRAORDINáRIO

Saque emergencial: Confira se você recebe FGTS neste sábado (8)

A Caixa garantiu que manterá o calendário de saque emergencial do FGTS, mesmo com a perda de validade da MP 946, que permitiu o saque do benefício

Saque emergencial: Confira se você recebe FGTS neste sábado (8)

O trabalhador pode cancelar, caso não deseje receber o saque emergencial do FGTS - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Agência Brasil

Neste sábado (8), continua o saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), de até R$ 1.045. Estão sendo liberados R$ 3,2 bilhões nas contas poupança digitais abertas pela Caixa Econômica Federal em nome dos beneficiários.

 

>> Auxílio emergencial e FGTS: Caixa abre 770 agências neste sábado (8)

>> Pandemia: Projeto de lei retoma possibilidade de saque do FGTS

>> Auxílio emergencial e FGTS emergencial: Caixa abre 47 agências em Pernambuco neste sábado (8)

 

Até agora, a Caixa Econômica Federal já liberou a retirada do saque emergencial do FGTS para os trabalhadores nascidos em janeiro e já realizou o pagamento para os nascidos de janeiro a junho.

Neste sábado (8), poderão começar a sacar e realizar transferências os beneficiários nascidos em fevereiro.

 

>> Projeto que libera saque do FGTS expira antes que todos recebam

>> Saque do FGTS: Projeto de lei pode substituir MP retirada de pauta

>> Caixa garante manter calendário de saque de R$ 1.045 do FGTS mesmo após fim da MP 946

>> Câmara dos Deputados retira de pauta e saque de R$ 1.045 do FGTS perde validade

 

Calendários

O pagamento do saque emergencial do FGTS será realizado conforme os calendários a seguir:

Para crédito em conta

Mês de aniversário - Dia do depósito

  • Janeiro - 29/06
  • Fevereiro - 06/07
  • Março - 13/07
  • Abril - 20/07
  • Maio - 27/07
  • Junho - 03/08
  • Julho - 10/08
  • Agosto - 24/08
  • Setembro - 31/08
  • Outubro - 08/09
  • Novembro - 14/09
  • Dezembro -  21/09

Disponível para saques e transferências

Mês de aniversário - Dia da liberação

  • Janeiro - 25/07
  • Fevereiro - 08/08
  • Março - 22/08
  • Abril - 05/09
  • Maio - 19/09
  • Junho - 03/10
  • Julho - 17/10
  • Agosto - 17/10
  • Setembro - 31/10
  • Outubro - 31/10
  • Novembro - 14/11
  • Dezembro - 14/11

 

>> Saiba o que fazer para recuperar o direito a saque de R$ 1.045 do FGTS

 >> Confira os dois calendários de pagamento do FGTS

>> Saque imediato do FGTS deve ser declarado no Imposto de Renda? Entenda

>> Caixa libera consulta a saque emergencial do FGTS em aplicativo

 

Orientações

A Caixa orienta os trabalhadores a verificar o valor do saque e a data do crédito nos canais de atendimento eletrônico do banco: aplicativo FGTS, site e telefone 111 (opção 2). Caso o trabalhador tenha direito ao saque emergencial, mas não teve a conta poupança digital aberta automaticamente, deverá acessar o aplicativo FGTS para complementar os dados e receber o dinheiro.

O banco alerta que não envia mensagens com pedido de senhas, dados ou informações pessoais. Também não envia links nem pede confirmação de dispositivo ou acesso à conta por e-mail, SMS ou WhatsApp.

 

>> Confira se você recebeu saque emergencial do FGTS nesta semana

>> Banco do Brasil lança linha de antecipação de saque aniversário do FGTS

>> Caixa divulga linha de crédito para antecipar saque-aniversário do FGTS; entenda como funciona

 

Cancelamento do crédito automático

O trabalhador poderá indicar que não deseja receber o saque emergencial do FGTS até dez dias antes do início do seu calendário de crédito na conta poupança social digital, para que sua conta do FGTS não seja debitada.

Caso o crédito dos valores tenha sido feito na poupança social digital do trabalhador e essa conta não seja movimentada até 30 de novembro de 2020, os valores corrigidos serão retornados à conta do FGTS.

MP expirou

A Caixa Econômica Federal garantiu que manterá o calendário de saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), mesmo com a perda de validade da Medida Provisória 946, que permitiu o saque do FGTS

A MP 946, que deveria ter sido votada até a terça-feira (4), foi retirada de pauta, após pedido feito pelo líder do governo, Vitor Hugo (PSL-GO) e, com isso, perdeu a validade. Um novo projeto de lei será enviado ao Congresso Nacional nos próximos dias para regulamentar novamente o saque emergencial do FGTS.  

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.