IMUNIZAÇÃO

Avião que vai buscar vacina contra a covid-19 na Índia pousa no Recife

Aeronave seguirá para Mumbai, na Índia, para trazer dois milhões de doses do imunizante

Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Publicado em 14/01/2021 às 19:50
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

O avião que vai buscar dois milhões de doses da vacina contra a covid-19 na Índia pousou, por volta das 19h30 desta quinta-feira (14), no Aeroporto Internacional do Recife. A aeronave iniciou sua rota na tarde de hoje, decolando do Aeroporto de Viracopos, em Campinas-SP, em direção à capital pernambucana.

>>>Voo que sairia do Recife para buscar vacinas contra covid-19 na Índia é adiado

>>>Vacina contra a covid-19: Saiba quem receberá primeiras doses em Pernambuco

>>>Covid-19: Pernambuco registra 1.412 novos casos e 27 mortes

Ida para a índia

De acordo com nota emitida pelo Ministério da Saúde, a partida da cidade pernambucana para Mumbai, na Índia, foi reprogramada em algumas horas por questões logísticas internacionais e acontecerá nesta sexta-feira (15), às 23h.

Trajeto - Campinas para Recife

Veja imagens da aeronave

Confira imagens da decolagem

Nota na íntegra

O Ministério da Saúde informa que o avião da companhia aérea Azul começará sua rota para buscar os dois milhões de doses da vacina contra a Covid-19 na Índia às 15h30 desta quinta-feira (14), decolando do Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), com escala ao Aeroporto de Guararapes, em Recife (PE). A partida da cidade pernambucana para Mumbai, na Índia, foi reprogramada em algumas horas por questões logísticas internacionais e continua seu plano de voo nesta sexta-feira (15), às 23h.

O imunizante da AstraZeneca/Oxford foi adquirido pelo Ministério da Saúde junto ao laboratório indiano Serum para garantir o início da vacinação dos brasileiros de forma simultânea e gratuita. A data de retorno do avião ao Brasil, com a carga de vacinas estimada em 15 toneladas, ainda está sendo avaliada de acordo com o andamento dos trâmites da operação de logística feita pelo Governo Federal em parceria com a Azul.

Covid-19 em Pernambuco

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta quinta-feira (14), 1.412 casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 84 (6%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 1.328 (94%) são leves.

Agora, Pernambuco totaliza 237.453 casos confirmados da doença, sendo 30.101 graves e 207.352 leves.

Mortes

Também foram confirmados 27 óbitos, ocorridos entre os dias 28/11/2020 e 13/01/2021. Com isso, o Estado totaliza 9.946 mortes pela Covid-19.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.
  • Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (mascára cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).
  • Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

+VÍDEOS