AJUDA

Criança, vítima de acidente entre carro e van em Camaragibe, precisa de sangue; saiba como doar

A menina, identificada como Elisa Lima de Araújo, 2 anos, está internada na UTI do Hospital Português

Criança, vítima de acidente entre carro e van em Camaragibe, precisa de sangue; saiba como doar

A mulher do motorista foi resgatada por equipes do Corpo de Bombeiros que precisou cerrar a porta e a coluna de aço do veículo. Ela e a criança tiveram escoriações nos braços - Foto: WELINGTON LIMA/TV Jornal

Um acidente envolvendo um carro e uma van, próximo ao km 10 em Aldeia, na cidade de Camaragibe, deixou uma pessoa morta e duas feridas. Entre as vítimas, uma menina identificada como Elisa Lima de Araújo, 2 anos, está internada na UTI do Hospital Português e precisa de doação de sangue. Para ajudar, você pode doar através do Ihene que fica na Rua Tabira, número 54, no bairro da Boa Vista. O acidente aconteceu na última segunda-feira (11).

Os dois veículos bateram de frente. De acordo com parentes das vítimas, o motorista do carro, de 32 anos, teria se assustado com um assalto durante o percurso e acabou perdendo o controle do veículo. Ele dirigia o carro de passeio e estava com a esposa e com a filha de 2 anos.

A mulher do motorista foi resgatada por equipes do Corpo de Bombeiros que precisou cerrar a porta e a coluna de aço do veículo. Ela e a criança tiveram escoriações nos braços. 

>>Acidente envolvendo carro e van deixa uma pessoa morta e duas feridas em Camaragibe

Veja o vídeo

Em um vídeo registrado por câmeras de segurança mostra o exato momento que dois homens em uma moto abordam duas pessoas que estavam em uma parada de ônibus. No momento da investida, o carro da família passa pelo local. Um dos suspeitos aponta a arma para o veículo e o motorista segue o percurso subindo a ladeira. Logo em seguida acontece a colisão.

 

Insegurança

Quem mora na região reclama do policiamento. Um homem, que preferiu não ser identificado, disse que os assaltos não tem dia nem hora para acontecer. O morador também questiona a falta de sinalização na ladeira do bairro.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.