Assalto

Homem armado invade escola de enfermagem, faz aluno refém e rouba 36 pessoas no bairro de Casa Amarela

O homem tentou fugir mas foi preso no local do crime

Caterine Costa de Oliveira
Caterine Costa de Oliveira
Publicado em 21/10/2021 às 14:20
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

Um homem, se passando por aluno, invadiu uma escola de enfermagem, localizada no bairro de Casa Amarela, Zona Norte do Recife, e assaltou 36 pessoas entre estudantes e funcionários da instituição. O fato aconteceu na manhã desta quinta-feira (21). De acordo com informações passadas por trabalhadores do local nos últimos dias, o suspeito vinha rondando a escola para saber informações como horário e funcionamento do centro profissionalizante.

>>Mega-assalto: quadrilha faz reféns e rouba 43 vans de estacionamento em São Paulo

O criminoso chegou na instituição e anunciou o assalto a dois funcionários. Em seguida, pediu que um deles ficasse dentro de uma sala e ordenou para que o outro o acompanhasse de sala em sala, recolhendo os celulares das pessoas que estavam na escola. Tudo isso com uma arma engatilhada, ameaçando empregados e alunos. Veja a matéria exibida no TV Jornal Meio-Dia:

Depois da ação, o suspeito tentou fugir pelos fundos da escola, porém não haviam saídas e acabou ficando preso. No momento de distração do bandido, as pessoas aproveitaram para tentar sair do local que viram uma viatura da Polícia Militar e pediram ajuda. Os agentes foram até o local e prenderam o assaltante.

>>Vídeo: Mulher motorista de aplicativo e passageira são assaltadas em Paulista; bandidos levam carro e feira no valor de R$600,00

Nota da Polícia Militar na íntegra

Uma dupla assaltou 36 pessoas, entre alunos e funcionários da Escola de Enfermagem, na avenida Norte, próximo à Igreja do Amor. Um homem armado foi detido por policiais militares do 11º BPM e outro conseguiu fugir. A ocorrência está em andamento e está sendo encaminhada para a Central de Plantões da Capital, juntamente com pertences das vítimas, que também se dirigiram para o local para fazer o reconhecimento e recuperar seus objetos, sendo diversos celulares. O tenente Thales está indo para a Central para oferecer maiores esclarecimentos para a imprensa.

+VÍDEOS