Tragédia

Incêndio em apartamento deixa seis pessoas feridas na Zona Oeste do Recife


Entre os feridos no incêndio, três estão em estado grave internados na ala de queimados do Hospital da Restauração, área central do Recife.

Catêrine Costa
Catêrine Costa
Publicado em 29/11/2021 às 14:00
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

Um incêndio atingiu um apartamento na madrugada deste domingo (28) no bairro do Cordeiro, Zona Oeste do Recife. O fogo começou por volta das 4h da madrugada.

Testemunhas contaram que seis pessoas dormiam no local quando um possível curto circuito em um ventilador iniciou as chamas.

Para salvar as pessoas que estavam dentro do imóvel, os vizinhos precisaram arrombar a grade. Dentro do apartamento estavam um casal com os três filhos e mais um amigo da família.

Todos dormiam no momento que as chamas começaram. Eles foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros com queimaduras em várias partes do corpo.

Das seis vítimas do incêndio, três estão em estado grave. Entre elas a mãe, o pai e um dos filhos. Todos seguem internados na unidade de queimados do Hospital da Restauração, área central do Recife.

Os outros dois filhos do casal já receberam alta. Fagner Henrique, amigo do casal, também já saiu do hospital. Ela teve pequenas escoriações pelo corpo. Segundo ele a ajuda dos vizinhos foi indispensável para o socorro das vítimas.

"A gente ficou dentro do quarto e não tinha como sair porque o fogo começou pela sala. Provavelmente foi o ventilador. As pessoas ficaram jogando água pelo prédio", contou.

Demora do Corpo de Bombeiros

Uma moradora que não quis ser identificada informou que o Corpo de Bombeiros demorou muito para chegar ao local.

"Quando chegaram a população já tinha conseguido arrombar a grade para poder sair. E a população continuou jogando água. Se não fosse a população, ninguém iria sobreviver", relatou.

Manutenção do prédio

Um morador aproveitou o momento para cobrar providências por parte da prefeitura do Recife sobre a manutenção dos prédios.

Ele e outros moradores afirmaram que já fizeram vários pedidos e enviaram ofícios relatando os problemas do Conjunto Residencial e as dificuldades de quem mora no local.

No mesmo bloco do incêndio é possível ver rachaduras, tampa de esgoto quebrada, encanação exposta e até a porta de alumínio do quadro de energia está enferrujada.

Nota da Prefeitura do Recife

Em relação ao incêndio ocorrido no conjunto residencial Casarão do Cordeiro, a Defesa Civil do Recife compareceu ao local, neste domingo (28), e identificou a necessidade de desocupar o apartamento afetado e o que fica ao lado dele.

Uma vistoria mais detalhada será feita, assim que for possível devido à temperatura do local, para avaliar a situação do prédio.

A Secretaria de Habitação do Recife (Sehab) acrescenta que já levantou o orçamento para a manutenção do habitacional e está em busca de recursos para a realização dos serviços.