Protesto em frente a posto onde técnica de enfermagem foi estuprada pede segurança em Jaboatão


Cerca de 100 pessoas entre profissionais de saúde, integrantes de coletivos de mulheres e moradores da comunidade se reuniram, nesta sexta-feira (29) para protestar em frente ao posto de saúde onde uma auxiliar de enfermagem foi vítima de estupro, ao chegar para o trabalho, em um posto de saúde, em Comportas, Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife.

PALAVRA CHAVE