NOVO CALENDáRIO

Calendário do 'novo' Auxílio Emergencial de R$ 300 é divulgado e começa nesta quarta (30)

O Ministério da Cidadania divulgou o novo calendário do auxílio emergencial de R$ 300. Veja quando começa a receber e as datas de pagamento e saque

Calendário do 'novo' Auxílio Emergencial de R$ 300 é divulgado e começa nesta quarta (30)

Governo divulgou calendário de pagamento no Diário Oficial - Foto: Leonardo Sá - Agência Senado

Ministério da Cidadania

Foi publicada, em edição extra do Diário Oficial dessa segunda-feira (28), a Portaria Nº 496, de 28 de setembro de 2020, que detalha como serão feitos os pagamentos da extensão do Auxílio Emergencial (auxílio emergencial de R$ 300) para os beneficiários inscritos no aplicativo ou site, e os integrantes do Cadastro Único (CadÚnico).

 

 

>> Auxílio emergencial: veja datas divulgadas de pagamentos dos R$ 300

>> Auxílio emergencial é prorrogado; confira até quando e novo valor

>> Entenda os calendários do auxílio emergencial divulgados até agora

 

1º parcela

A primeira parcela da extensão do auxílio será paga a partir desta quarta-feira (30). Serão 27 milhões de pessoas que receberão R$ 300 ou R$ 600 (no caso de mães monoparentais), o que totaliza um investimento do Governo Federal de mais de R$ 9 bilhões.

Assim como ocorreu até o presente momento, o calendário seguirá o mês de nascimento dos beneficiários, ou seja, os créditos se iniciarão por aqueles nascidos em janeiro, depois fevereiro, março e assim sucessivamente, em poupança social digital já existente em seu nome. 

 

>> Após nova atualização, entenda os calendários de todas as parcelas do auxílio emergencial

>> Auxílio emergencial: Governo define regras para novas parcelas; veja quem não pode receber

>> Golpe rouba seus dados do FGTS, auxílio emergencial, Internet Banking e caixa eletrônico; saiba como evitar

 

Como será o pagamento

Os primeiros beneficiados na nova fase são aqueles que foram contemplados com o benefício em abril, atenderam aos critérios previstos na MPV nº 1000, de 02 de setembro de 2020, e já terminaram de receber as cinco parcelas do Auxílio Emergencial, sem descontinuidade no recebimento do Auxílio.

Os cidadãos que se tornaram elegíveis em maio, junho e julho terão os novos valores creditados em outubro, novembro e dezembro, respectivamente, após o fim do pagamento do auxílio (vide tabelas abaixo). De acordo com a MPV nº 1.000, a extensão será paga em até quatro parcelas, encerrando-se, obrigatoriamente, em dezembro de 2020.

Os montantes continuarão sendo depositados na poupança social digital da Caixa, bem como os saques seguirão um calendário diferente para que o distanciamento social nas agências bancárias continue sendo respeitado, contribuindo para minimizar a disseminação do novo coronavírus (covid-19).

 

>> Veja respostas para dúvidas sobre as mudanças no auxílio emergencial

>> Mudanças no auxílio emergencial afetam quem começou a receber depois

>> Qual será o valor para quem recebia R$ 1.200, após mudanças no auxílio emergencial?

>> Renovação automática? Quem mantém ou perde o direito? Pode recorrer? Advogado explica novas regras do auxílio emergencial

>> Veja respostas para principais dúvidas sobre novo auxílio emergencial 

 

Bolsa Família

Os beneficiários do Programa Bolsa Família elegíveis ao Auxílio Emergencial começaram a receber os novos valores do benefício no dia 17 de setembro.

Isso porque o auxílio pago a esse público segue o calendário do PBF, que respeita o número final do NIS. São 16,3 milhões de beneficiários do Bolsa Família que recebem a extensão do Auxílio Emergencial, um repasse de R$ 4,2 bilhões.

Balanço

Somando-se, os públicos CadÚnico, Extracad e Bolsa Família, representam até o momento 43,3 milhões de brasileiros beneficiados com a parcela de setembro da extensão do Auxílio Emergencial, o que totaliza um investimento de R$ 13,3 bilhões.

 

>> Auxílio emergencial: Caixa inicia Ciclo 2 de pagamentos, com 5º parcela e novos beneficiários

>> ''Todos os beneficiários do auxílio emergencial aprovados receberão as cinco parcelas'', afirma superintendente da Caixa

>> Teve o auxílio emergencial negado? Saiba como contestar via Dataprev 

>> Proposta aumenta o público que pode receber auxílio emergencial

>> Veja nova forma de contestar pedido negado do auxílio emergencial

 

Calendários do auxílio emergencial de R$ 300

O calendário de pagamento da extensão do Auxílio Emergencial (no valor de R$ 300) também está dividido em ciclos, começando no chamado Ciclo 3.

O beneficiário vai entrando nesses calendários à medida que vai terminando de receber as 5 parcelas iniciais. Então, se você é um dos que rebem o auxílio emergencial desde abril e já recebeu as cin parcelas de R$ 600, seu novo calendário começa nesta quarta (30).

Se ainda não recebeu as cinco, quando o pagamento for finalizado, você entra nos ciclos do auxílio emergencial extensão, de R$ 300. Confira as datas abaixo:

Ciclo 3

  • Nascidos em janeiro - pagamentos 30/09 e saques 07/11
  • Nascidos em fevereiro - pagamentos 05/10 e saques 07/11
  • Nascidos em março - pagamentos 07/10 e saques 14/11
  • Nascidos em abril - pagamentos 09/10 e saques 21/11
  • Nascidos em maio - pagamentos 11/10 e saques 21/11
  • Nascidos em junho - pagamentos 14/10 e saques 24/11
  • Nascidos em julho - pagamentos 16/10 e saques 26/11
  • Nascidos em agosto - pagamentos 21/10 e saques 28/11
  • Nascidos em setembro - pagamentos 25/10 e saques 28/11
  • Nascidos em outubro - pagamentos 28/10 e saques 01/12
  • Nascidos em novembro - pagamentos 29/10 e saques 05/12
  • Nascidos em dezembro - pagamentos 01/11 e saques 05/12

Ciclo 4

  • Nascidos em janeiro - pagamentos 30/10 e saques 07/11
  • Nascidos em fevereiro - pagamentos 04/11 e saques 07/11
  • Nascidos em março - pagamentos 05/11 e saques 14/11
  • Nascidos em abril - pagamentos 06/11 e saques 21/11
  • Nascidos em maio - pagamentos 08/11 e saques 21/11
  • Nascidos em junho - pagamentos 11/11 e saques 24/11
  • Nascidos em julho - pagamentos 12/11 e saques 26/11
  • Nascidos em agosto - pagamentos 13/11 e saques 28/11
  • Nascidos em setembro - pagamentos 15/11 e saques 28/11
  • Nascidos em outubro - pagamentos 16/11 e saques 01/12
  • Nascidos em novembro - pagamentos 18/11 e saques 05/12
  • Nascidos em dezembro - pagamentos 20/11 e saques 05/12

Ciclo 5

  • Nascidos em janeiro - pagamentos 22/11 e saques 19/12
  • Nascidos em fevereiro - pagamentos 23/11 e saques 19/12
  • Nascidos em março - pagamentos 25/11 e saques 04/01
  • Nascidos em abril - pagamentos 27/11 e saques 06/01
  • Nascidos em maio - pagamentos 29/11 e saques 11/01
  • Nascidos em junho - pagamentos 30/11 e saques 13/01
  • Nascidos em julho - pagamentos 02/12 e saques 15/01
  • Nascidos em agosto - pagamentos 04/12 e saques 18/01
  • Nascidos em setembro - pagamentos 06/12 e saques 20/01
  • Nascidos em outubro - pagamentos 09/12 e saques 22/01
  • Nascidos em novembro - pagamentos 11/12 e saques 25/01
  • Nascidos em dezembro - pagamentos 12/12 e saques 27/01

Ciclo 6

  • Nascidos em janeiro - pagamentos 13/12 e saques 19/12
  • Nascidos em fevereiro - pagamentos 13/12 e saques 19/12
  • Nascidos em março - pagamentos 14/12 e saques 04/01
  • Nascidos em abril - pagamentos 16/12 e saques 06/01
  • Nascidos em maio - pagamentos 17/12 e saques 11/01
  • Nascidos em junho - pagamentos 18/12 e saques 13/01
  • Nascidos em julho - pagamentos 20/12 e saques 15/01
  • Nascidos em agosto - pagamentos 20/12 e saques 18/01
  • Nascidos em setembro - pagamentos 21/12 e saques 20/01
  • Nascidos em outubro - pagamentos 23/19 e saques 22/01
  • Nascidos em novembro - pagamentos 28/12 e saques 25/01
  • Nascidos em dezembro - pagamentos 29/12 e saques 27/01

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.