VIOLÊNCIA

Violência contra a mulher cresce em cidades do Grande Recife e interior de PE

Foram registrados, só neste fim de semana, seis casos de violência contra mulheres. Quatro deles resultaram em mortes

Violência contra a mulher cresce em cidades do Grande Recife e interior de PE

Denunciar casos de agressões contra mulheres é o caminho para reduzir número de mortes - Foto: Foto: Pixabay

Seis casos de violência contra a mulher foram registrados nesse fim de semana na Região Metropolitana do Recife e no interior de Pernambuco. Em quatro das ocorrências, as mulheres foram assassinadas.

Um dos casos que mais chamou atenção foi o de um militar reformado da aeronáutica, de 69 anos, que foi preso suspeito de balear a vizinha, uma mulher de 58 anos. Os dois discutiram durante a manhã desse domingo (19) por causa de um batente construído pela vítima, que dificultava a passagem da bicicleta do militar. O crime aconteceu em Olinda, no bairro de Rio Doce.

Água Fria

Em Água Fria, na Zona Norte do Recife, a vitima foi uma jovem de 19 anos. De acordo com a polícia, ela foi esfaqueada na altura do peito. O suspeito é o namorado da vítima, que está foragido. Ela foi socorrida para o Hospital a Restauração. Outra mulher vítima da violência foi identificada como aura Luciana da Silva, de 30 anos.

Ponte dos Carvalhos

Ela foi assassinada a tiros na casa onde morava em Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho. Os assassinos invadiram o imóvel e atiraram na cabeça da vítima, que morreu na hora. Peritos o Instituto de Criminalista encontraram a casa toda revirada.

Santa Maria do Cambucá

A violência contra a mulher também aconteceu no interior do estado. Em santa maria do Cambucá, uma mulher foi assassinada e o irmão dela ficou ferido de raspão. A motivação e a autoria ainda são desconhecidas.

Saloá

em Saloá, no agreste do estado, a vítima foi uma mulher de 36 anos. Segundo a polícia, o suspeito é um rapaz que queria namorar a filha a vitima, mas a mãe não aceitava o relacionamento. A mulher foi atingida com um tiro na cabeça. O  marido dela e a filha, de 14 anos, ficaram feridos, mas passam bem.

 

Arcoverde

Em arcoverde, bruna krystel vieira siqueira, de 28 anos, foi assassinada por dois homens em uma moto. O crime pode ter relação com o tráfico de drogas.

Dados de 2020

De acordo com a a plataforma Fogo Cruzado, no ano de 2020, 69 mulheres foram baleadas no Grande Recife. Destas, 30 morreram. Além disso, 102 pessoas foram baleadas dentro de residências no mesmo período, com 83 vítimas fatais.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.