CONTRABANDO

Polícia apreende 210 mil cigarros contrabandeados que seriam vendidos no Recife

Os cigarros foram encontrados com um taxista. O filho dele também foi preso, apesar de falar para a polícia que não sabia do esquema

Polícia apreende 210 mil cigarros contrabandeados que seriam vendidos no Recife

No total, foram apreendidos 210 mil cigarros, além de um revólver calibre 38, cinco munições intactas e quase R$ 1.500 em dinheiro. - Foto: Foto: Divulgação / PF

Dez mil pacotes de cigarros contrabandeados que seriam vendidos para bares e restaurantes do Recife foram apreendidos, nessa segunda-feira (10), pela Polícia Militar na comunidade do Vietnã, no bairro de San Martin, na Zona Oeste da capital. De acordo com a Polícia Federal, parte do material estava no porta-malas de um carro.

>>>Vítimas fatais da chacina em Ipojuca são identificadas pelo IML

Pai e filho, que estavam no veículo, foram presos. O restante do material estava na casa deles. No total, foram apreendidos 210 mil cigarros, além de um revólver calibre 38, cinco munições intactas e quase R$ 1.500 em dinheiro. Segundo a Polícia Federal, os cigarros foram produzidos no Paraguai e na China, mas já estavam sendo vendidos aqui no Recife.

Ainda de acordo com a PF, o filho do taxista de 48 anos, um estudante universitário de 23 anos, disse que não sabia que o pai estava envolvido no esquema criminoso. 

 

Prisão

Os dois suspeitos foram presos em flagrante e aguardam audiência de custódia para saber se responderão ao processo em liberdade. Eles vão responder pelo crime de contrabando e, caso condenados, podem pegar de 2 a 5 anos de prisão.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.