REABERTURA

Após seis meses sem trabalho, empresários do setor de eventos estão entusiasmados com a retomada

A retomada será gradual e os profissionais precisam seguir regras para evitar a contaminação do novo coronavírus

Após seis meses sem trabalho, empresários do setor de eventos estão entusiasmados com a retomada

A retomada será gradual e os profissionais precisam seguir regras para evitar a contaminação do novo coronavírus - Foto: WELINGTON LIMA/TV Jornal

Depois de seis meses sem trabalho, os empresários do setor de eventos e festas na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata e parte do Agreste do Estado estão entusiasmados com o retorno das atividades na próxima segunda-feira (18). A retomada será gradual e os profissionais precisam seguir regras para evitar a contaminação do novo coronavírus como a obrigatoriedade do uso da máscara e o distanciamento social. 

Segundo a proprietária de buffet, Ana Paula Goes, já contava os dias para volta das atividades e agora já está na expectativa para a reabertura da casa de festa. Durante a suspensão do serviço, a empresária falou que aproveitou para investir nas compras dos itens necessários para o novo normal como álcool em gel , tapetes sanitizantes, máscaras e sabonetes.

Reinventar

Assim como a proprietária de buffet, o decorador de festas, Maciel Dias, que trabalha há mais de vinte anos com flores também já está pronto para o retorno. Desde a suspensão das atividades, no mês de março, ele teve que se reinventar para não perder os clientes.

Paralisação

A categoria foi uma das primeiras a ser paralisada no início da pandemia. Segundo os profissionais do ramo, a suspensão dos eventos atingiu milhares de pessoas que trabalham direta e indiretamente com festas.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.