DESCASO

Descaso no Cais da Jaqueira, na Zona Norte do Recife, oferece riscos à população

O local é utilizado principalmente para fazer a travessia de barco entre os bairros da Torre e Jaqueira


Descaso no Cais da Jaqueira, na Zona Norte do Recife, oferece riscos à população

A Prefeitura do Recife informou que tem um projeto de requalificação para toda a estrutura do cais, incluindo a escada. - Foto: Reprodução/TV Jornal

O Cais da Jaqueira, na Zona Norte do Recife, é bem discreto. Ele fica na calçada da Avenida Rui Barbosa, em frente ao Parque da Jaqueira. Ele é um local utilizado, principalmente, para fazer a travessia de barco entre os bairros da Torre e Jaqueira, mas a escada que dá acesso ao cais está bastante danificada e oferecendo riscos à população.

A travessia é feita em barcos e a passagem custa R$ 1,50. O barqueiro Zomilton Tomé é da terceira geração de barqueiros que fazem a travessia. Ele é o mais antigo em atuação. O barqueiro conta que criou os filhos da travessia, mas agora, passa necessidade.

Isso porque as pessoas estão com medo de travessar devido a estrutura. A escada de madeira do cais está com a estrutura apodrecida. Tábuas estão moles e o corrimão está deteriorado. Há até ferragens expostas. Segundo o barqueiro, o equipamento tem mais de 30 anos e nunca recebeu uma manutenção.

Acidente 

O técnico em telecomunicações Demóstenes de Azevedo relatou e mostrou as fragilidades da estrutura. Segundo ele, crianças usam o cais para ir à escola e a qualquer momento um acidente pode acontecer.

A Prefeitura do Recife informou que tem um projeto de requalificação para toda a estrutura do cais, incluindo a escada.
A Prefeitura do Recife informou que tem um projeto de requalificação para toda a estrutura do cais, incluindo a escada.
Reprodução/TV Jornal

Nota da Prefeitura do Recife

A Prefeitura do Recife informou que tem um projeto de requalificação para toda a estrutura do cais, incluindo a escada. E que nele está prevista a instalação de mobiliário urbano e paisagismo. O valor estimado para a obra é de R$ 250 mil. Mas a prefeitura disse que agora estuda a possibilidade de contratar uma empresa para executar os serviços e ser responsável pela manutenção.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.