PRISÃO

Mulher de 60 anos é sequestrada, levada no próprio carro e estuprada em Carpina; Suspeito foi preso

A vítima, de acordo com a Polícia Civil, levada no próprio carro e sedada. Ela ficou refém por várias horas. O suspeito pediu resgate à família

Mulher de 60 anos é sequestrada, levada no próprio carro e estuprada em Carpina; Suspeito foi preso

O homem, de 41 anos, foi autuado por extorsão mediante sequestro e estupro. - Foto: Polícia Civil/Divulgação

Um homem foi preso em flagrante suspeito de sequestrar e estuprar uma mulher, de 60 anos, em Carpina, na Zona da Mata de Pernambuco. A vítima, de acordo com a Polícia Civil, levada no próprio carro e sedada. Ela ficou refém por várias horas.

Ainda segundo informações da polícia, o sequestro ocorreu no início da tarde da última segunda-feira (10), em Carpina. O caso foi finalizado 6h depois de a polícia ter sido informada. Uma equipe de operações especiais foi mobilizada.

Por meio de nota, divulgada nessa terça (11), a polícia informou que a vítima do sequestro foi liberada pelo bandido na Zona Rural de Paudalho, na mesma região. Ainda de acordo com a polícia, o criminoso chegou a pedir resgate à família. A quantia exigida por ele não foi entregue. A polícia não divulgou o valor.

>> Casal é preso suspeito de estuprar filha de 5 anos e compartilhar vídeos na internet no Sertão de Pernambuco

Prisão

A Polícia Civil informou que a prisão foi feita por uma equipe do Grupo de Operações Especiais (GOE), coordenada pelo delegado Paulo Berenguer, em Paudalho. O homem, de 41 anos, foi autuado por extorsão mediante sequestro e estupro. Ele seguiu para audiência de custódia, que confirmou a prisão preventiva.

>> Suspeito de estuprar grávida e tentar de novo é reconhecido por outras possíveis vítimas; 'maníaco', diz delegado

Notícias policiais da TV Jornal

Quer ficar acompanhando as notícias policiais da TV Jornal? Você pode ter acesso rápido a todas elas no nosso grupo, no Facebook. Acesse aqui o grupo Notícias Policiais TV Jornal no Facebook.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.