covid-19

Parentes denunciam que morte de idoso com coronavírus no Recife foi por negligência de hospital


Ainda segundo os familiares, o aposentado havia recebido alta da unidade de saúde

Com informações de Marcela Maranhão
Com informações de Marcela Maranhão
Publicado em 11/05/2020 às 19:50
Reprodução/Google Street View
FOTO: Reprodução/Google Street View
Leitura:

Um aposentado, de 76 anos, foi uma vítima fatal do novo coronavírus nesta segunda-feira (11), de acordo com a família. Ele estava internado no Hospital dos Servidores, que fica no bairro do Espinheiro, no Recife, e em uma semana com a doença os
Segundo a família, os primeiros sintomas do novo coronavírus foram percebidos no dia 03 de maio. Com isso, o idoso foi atendido no hospital dos servidores, mas recebeu alta após ser medicado.

De acordo com o filho da vítima, foram três idas ao Hospital dos Servidores. A última vez aconteceu no domingo (10), por volta 21h. No dia seguinte, com os pulmões piores, o senhor de 76 anos não resistiu e morreu.

Negligência médica

Além dos problemas na estrutura do hospital, da ausência de leitos e de medicamentos, o filho do idoso também se queixa da falta de precisão no diagnóstico do pai.

Nota de resposta

A produção da TV Jornal entrou em contato com o Hospital dos Servidores, mas até o momento não recebeu a resposta.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Quais são os sintomas?

Os sintomas da COVID-19 podem variar de um simples resfriado até uma pneumonia severa. Sendo os sintomas mais comuns:

  • Tosse
  • Febre
  • Coriza
  • Dor de garganta
  • Dificuldade para respirar

Como é transmitido?

A transmissão acontece de uma pessoa doente para outra ou por contato próximo por meio de:

  • Toque do aperto de mão;
  • Gotículas de saliva;
  • Espirro;
  • Tosse;
  • Catarro;
  • Objetos ou superfícies contaminadas, como celulares, mesas, maçanetas, brinquedos, teclados de computador etc.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.
  • Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).
  • Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.